07.11.2019 | 09h00


VEJA FOTOS

Adolescentes ficam em estado grave após serem atropelados por membro do PCC em Várzea Grande

Márcio Lemos de Lima foi preso em flagrante pela Polícia Militar e se recusou a fazer o teste do bafômetro.


DA REDAÇÃO

O membro da facção criminosa PCC Márcio Lemos de Lima, de 39 anos, conhecido como ‘Marcinho’, foi preso em flagrante na madrugada desta quinta-feira (07) por atropelar de carro dois adolescentes, ambos de 17 anos, que estavam numa moto Honda Fan, e fugir do local sem prestar socorro. 

Na fuga o criminoso bateu o carro Hyundai i30 que dirigia contra um poste e tentou sair correndo a pé, mas acabou detido por populares na Avenida Couto Magalhães, o que possibilitou a Polícia Militar (PM) fazer a prisão em Flagrante. O caso ocorreu no Centro de Várzea Grande, por volta das 00h10.

Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionada e encaminhou os jovens para o Pronto-Socorro Municipal de Várzea Grande (PSMVG), em estado grave.

Marcinho, segundo a PM, usa tornozeleira eletrônica e tinha diversas escoriações pelo corpo.

A Delegacia Especializada em Delitos de Trânsito (Deletran) foi chamada para atender o acidente. A moto foi apreendida e o i30 removido já que deu perda total.

O acusado se recusou a fazer o teste do bafômetro. Como estava ferido foi encaminhado ao PSMVG, após receber atendimento foi levado para a Central de Flagrantes de Várzea Grande.

Márcio Lemos é integrante da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) e possuiu diversas passagens criminais. A Polícia Judiciária Civil (PJC) dará seguimento no caso.

Galeria de Fotos:
Crédito:
Crédito:
Crédito:
Crédito:










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO