03.10.2019 | 17h00


PROJETO TUCANO

Wilson quer aumentar número de vereadores em Cuiabá e outras 5 cidades de MT

A proposta, segundo o tucano, adequa a Constituição de Mato Grosso aos efeitos da emenda federal que fixa a quantidade de parlamentares de acordo com o índice populacional.



O deputado estadual Wilson Santos (PSDB) tenta colher oito assinaturas favoráveis à Proposta de Emenda Constitucional (PEC) de sua autoria que busca adequar a Constituição de Mato Grosso ao texto da Constituição Federal.

A revisão também visa excluir trechos da Constituição de Mato Grosso julgados inconstitucionais pelo Tribunal de Justiça do Estado e pelo Supremo Tribunal Federal (STF).

Uma das propostas adequa a Constituição de Mato Grosso aos efeitos da emenda federal 58/2009 que disciplinou a quantidade de vereadores dos municípios de acordo com o índice populacional.

De acordo com o censo do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) referente a 2019, Cuiabá registra população de 612.547 habitantes, o que permitiria sair de 25 para 27 vereadores.

Outros municípios na lista dos 10 maiores de Mato Grosso também poderão sofrer alterações em seus quadros de representantes a Câmara Municipal.

Em Sinop, quarto maior município de Mato Grosso com população de 142.996 habitantes, o número de vereadores se elevaria de 15 para 19.

Em Tangará da Serra, com população estimada em 103.750 pessoas, sairia de 14 para 17 vereadores.

O município de Cáceres, com população de 94.376 habitantes, sairia de 15 para 17 vereadores.

Sétimo maior município de Mato Grosso com 90.313 habitantes, a Câmara Municipal sairia de 11 para 17 vereadores.

O último censo do IBGE realizado em 2019 apontou que Lucas do Rio Verde é o oitavo maior município de Mato Grosso com população estimada em 65.534 habitantes, o que permitiria saltar de 9 para 17 vereadores a partir da adoção dos critérios da emenda 58/2009.

Várzea Grande e Rondonópolis, segundo e terceiro maior município de Mato Grosso, respectivamente, permaneceriam com seus atuais 21 vereadores.

O mesmo ocorre com Primavera do Leste e Barra do Garças, nono e décimo maior município, respectivamente, que permaneceriam com seus atuais 15 vereadores.

Estes municípios já adequaram suas respectivas leis orgânicas aos critérios da emenda 58/2009 da Constituição Federal.











(2) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Arnaldo  04.10.19 00h56
O que esse cara tem a ver com SINOP? Faça me um favor. Não se meta aonde você não é chamado. Nunca trouxe um centavo para SINOP e em contrapartida quer criar despesa. Vai procurar o caminhão que você caiu rapaz. Não tem o que fazer não. Acho que nunca veio a SINOP. Nos respeite sujeito.

Responder

1
0
Lourenço.  03.10.19 23h21
Vc está de BRINCADEIRA E SACANAGEM Wilson, pqp cara, qual a vantagem???? vilipendiar os municípios para os NOBRES vereadores votarem moção de aplausos???? empregarem seus parentes?????? qual a finalidade de seu tamanho esforço para com isso???? abramos os olhos eleitores, algo há.

Responder

1
0

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER