27.03.2017 | 20h57


PODERES / ESTADO

Procuradora Gláucia Amaral é eleita nova corregedora-geral da PGE



A procuradora Gláucia Anne Kelly Rodrigues do Amaral foi eleita, na manhã de sexta-feira (24.03), como corregedora geral da Procuradoria Geral do Estado.

A eleição ocorreu durante reunião extraordinária do Colégio de Procuradores. A escolha foi por aclamação e a posse será dada por meio de nomeação pelo governador Pedro Taques.

O procurador geral, Rogério Gallo, responsável pela indicação da nova corregedora, disse que pela sua experiência e conhecimento de mais de 10 anos na PGE, Gláucia Amaral reúne todas as condições para exercer mais essa função.

“A doutora Gláucia é uma servidora dedicada e conhece profundamente todos os setores da PGE. Sua escolha por aclamação dos colegas procuradores é uma prova disso. Acredito firmemente que ela está capacitada para exercer com determinação a mais essa missão, dentro do espírito de mudar e melhorar a imagem da instituição, tanto perante o setor público, como à sociedade de maneira geral”, destacou Rogério Gallo.

Com a eleição, Gláucia Amaral deixa automaticamente o cargo de presidente da Associação de Procuradores de Mato Grosso (Apromat). Ela substitui Flávia Beatriz Corrêa da Costa, que exerceu o cargo nos últimos dois anos e o mandato termina na segunda-feira (27.03).

‘Estou bastante honrada em receber a indicação e o convite do procurador geral do Estado e também bastante honrada pela escolha ter sido por aclamação dos membros do Colégio Superior da PGE. Recebo a missão de ser corregedora, para que a atuação seja tanto a correcional, como de orientação” , disse Gláucia Amaral, logo após a eleição.

Segundo a nova corregedora, é preciso construir institucionalmente uma nova imagem da PGE e a Corregedoria tem um grande papel nisso, principalmente dando mais celeridade aos processos já existentes e os que irão chegar até ela.

“Eu pretendo tratar os processos que chegarem à Corregedoria com maior celeridade, porque no ambiente correcional, a celeridade da resposta é fundamental para a credibilidade do próprio órgão”, explicou a nova corregedora.

Outra função que é exercida pela Corregedoria Geral, de acordo com o Regimento Interno da PGE, é a de Ouvidoria, recebendo as reclamações e sugestões da população sobre o trabalho executado pela instituição. Gláucia Amaral disse que pretende dar atenção especial a esse setor.

“Essa voz que vem do cidadão precisa ser ouvida, inclusive porque ela é sinal de onde é que o relacionamento da instituição com a sociedade pode ser melhorado. Essa demanda que vem de fora, diretamente do cidadão, é importantíssima, por ela é rica em informações de como o cidadão está vendo o serviço público que nós devemos prestar”, concluiu Gláucia Amaral.

 

Quem é

 

Gláucia Amaral é graduada em Direito pela Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT), e concluiu o curso no ano de 1997. Natural do município de Cáceres, ingressou na PGE em 2002. É especialista em Direito Constitucional. Presidiu a Apromat nos últimos dois anos.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO