15.01.2020 | 09h20


SALÁRIO DE SERVIDOR

Governo pagou dezembro no dia 10, mas não dá prazo para voltar a pagar dentro do mês

“Não gosto de trabalhar com exercício de futurologia. Tínhamos um planejamento, sempre dizia isso, de ao longo de 2019 conseguimos colocar o salário em uma única parcela


DA REDAÇÃO

O governador Mauro Mendes (DEM) disse que não há previsão de quando o governo poderá pagar os salários dos servidores públicos dentro do mês trabalho. Apesar de não ter uma data determinada, o governador comentou que seu Governo está “caminhando a passos largos” para que isso aconteça. No último dia 10 de janeiro  o governo pagou integralmente a folha referente a dezembro de 2019, num total de cerca de R$ 600 milhões. 

Praticamente todo o ano passado foi de escalonamento e parcelamento de salários, por conta do decreto de calamidade financeira, imposto no início do ano já que, em 2018, sem a vinda do Auxílio Financeiro de Fomento às Exportações (FEX), de aproximadamente R$ 500 milhões, a gestão de Pedro Taques (PSDB) não conseguiu pagar o 13° servidores, e deixou a dívida para a atual gestão. 

2020 vamos continuar trabalhando com a mesma seriedade. O objetivo é pagar o fornecedor dentro do mês, pagar o salário dentro do mês, estamos caminhando a passos largos para isso

O pagamento foi dividido em parcelas pela atual administração que também escalonou a folha salarial.

Em dezembro, o governo conseguiu pagar em parcela única o salário referente ao mês anterior no dia 10 de dezembro, além que ter conseguido pagar o 13° de todos os servidores no dia 20 do mesmo mês.

“Não gosto de trabalhar com exercício de futurologia. Tínhamos um planejamento, sempre dizia isso, de ao longo de 2019 conseguimos colocar o salário em uma única parcela. Pagamos em dezembro, já pagamos em janeiro, pagamos o 13° em dezembro, dentro da data estabelecida, sem nunca ter falado de qualquer conversinha ligado a depender do governo federal”, disse Mauro à imprensa na última segunda (13), em evento de inauguração da Avenida Parque do Barbado, em Cuiabá.

“2020 vamos continuar trabalhando com a mesma seriedade. O objetivo é pagar o fornecedor dentro do mês, pagar o salário dentro do mês, estamos caminhando a passos largos para isso, mas não tenho como ainda fazer um exercício de previsão de data para dizer quando isso poderá acontecer”, disse.











(2) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Armindo de Figueiredo Filho  15.01.20 11h36
AINDA BEM QUE OS PASSOS ESTÃO SENDO DE "COELHOS"(passos Largos),,,JÁ PENSASTE SE FOSSEM DE "TARTARUGAS"?????? No início do mandato , já dizia "Mussolini">>> entraram despidos (NÚS) à meta...Apenas um alerta>>> "UM GOVERNO SEM META, É COMPLETAMENTE UM GOVERNO VAZIO""... Sem mais delongas.... Fim de papo ...

Responder

7
0
Teka Almeida  15.01.20 09h45
É Mauro MENTE, governo FAKE NEWS. Não foi isso que o seu secretário de fazenda falou no dia 11/01/2020, Disse ele: "Sefaz: meta é pagar salários dentro do mês trabalhado até o meio do ano" Como já estamos acostumados o que um fala o outro não sustenta, só nos resta esperar. Governo de um mandato faltam 2 anos, 11 meses e 15 dias passa rápido.

Responder

20
2
Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO