alexametrics
10.12.2019 | 12h46


PODERES / 20 DE DEZEMBRO

Governador anuncia pagamento do 13° para a próxima semana

A folha extra de dezembro será paga em parcela única e custará R$ 500 milhões aos cofres do Estado.


DA REDAÇÃO

O governador Mauro Mendes (DEM) anunciou, nesta terça-feira (10), que o pagamento do 13° salário dos servidores públicos ocorrerá, em parcela única, no dia 20 de dezembro.

O anúncio foi feito durante um almoço no Palácio Paiaguás com a presença secretários, presidente de órgãos e instituições, servidores, deputados estaduais e imprensa.

Os discursos foram transmitidos pelas redes sociais do governo.

“O Estado equilibrado consegue pagar o seus fornecedores, consegue contratar mais serviços em todas as áreas”, disse Mauro.

Ao iniciar a fala, o governador destacou que medidas adotadas no início do seu mandato, que foram aprovadas pela Assembleia Legislativa, trouxeram fôlego as finanças do Estado.

“O remédio correto e apropriado normalmente não é um remédio doce. Quando você tem um câncer, sempre usei esse exemplo, não adiante você tomar remédio para dor, não adianta tomar Novalgina, morfina, você tem que fazer o tratamento correto. [...] O Estado equilibrado consegue pagar o seus fornecedores, consegue contratar mais serviços em todas as áreas”, disse.

Ele comentou sobre o resultado do PIB [Produto Interno Bruto] de 2017 que apontou crescimento econômico do Estado. No entanto, questionou o avanço com o governo, segundo ele, entrando num colapso.

“Mato Grosso, novamente, é o Estado que mais cresceu com 12.5 no PIB de 2017, nem os chineses estão crescendo como esse Estado esta crescendo. Como pode no ano de 2017 ter crescido tanto a economia privada e o Governo de Mato Grosso ter entrando numa trajetória de colapso, de dissolvência, não honrando dezenas dos seus milhares de compromissos”, ponderou.

O governador ainda comentou sobre as perspectiva de crescimento da economia regional para o próximo ano. A intenção é aumentar cerca de 10% da área plantada. Além disso, pediu ao presidente Jair Bolsonaro (sem partido) que crie oportunidades para que o país possa voltar a crescer economicamente. 

“Espero que o nosso presidente Jair Bolsonaro, que lidera esse país, possa cada vez mais criar as oportunidades para fazer o Brasil voltar a crescer e com isso ampliar as oportunidades que esse Estado tão pujante tem dado ao Brasil. A nossa economia aponta para um crescimento ainda maior. A área plantada de Mato Grosso, provavelmente, deve crescer no próximo ano cerca de 10%”, explicou.











(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Teka Almeida  10.12.19 14h12
Vou colocar como vc Mauro MENTE, governo FAKE NEWS é visto nas suas próprias palavras.. Não adianta reclamar de vc depois que te elegemos, a merdha já tá feita, então nos resta aguentar só mais 3 anos. Em 2020 vamos te lavar ao FRACASSO através do seu candidato a prefeitura e em 2022 vamos te escorraçar da politica.

Responder

6
2
Jonas  10.12.19 21h02
Governo fraco e os forcenedores do estado tem previsão de pagamento porque ninguém mais tá aguentando e temos funcionários salários encargos mais caros do país e 13° também pra pagar

Responder

0
1
João Antonio  11.12.19 14h17
Temos que ficar atentos as manobras do grupo político de Mauro Mentes, pois pode colocar um testa de ferro para perder as eleições enquanto apoia outro.

Responder

0
0
Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime