14.02.2020 | 12h34


PELA SEGUNDA VEZ

Ex-chefe de gabinete e ex-governador voltarão a depor na CPI do Paletó

Sílvio Corrêa será ouvido na próxima semana e Silval Barbosa no dia 2 de março


DA REDAÇÃO

Ex-chefe de gabinete do ex-governador Silval Barbosa, Sílvio Corrêa, será o primeiro a prestar depoimento novamente à CPI do Paletó, na Câmara Municipal de Cuiabá. Sua oitiva está marcada para a próxima semana, no dia 19 de fevereiro. O ex-governador é aguardado pelos membros da Comissão no dia 2 de março.

O servidor Valdecir Cardoso de Almeida, que foi o responsável por enquadrar a câmera usada para gravar o então deputado estadual, hoje prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro, tem depoimento marcado para o dia 9 de março.

E no dia 16 do mesmo mês será a vez do ex-secretário de Indústria, Comércio, Minas e Energia, Alan Zanatta, falar para os membros da CPI.

Todos serão convocados novamente. A CPI é formada pelo vereador Marcelo Bussiki (PSB), pelo relator Toninho de Souza (SPD) e pelo membro, o sargento Joelson (PV).

Histórico

A CPI começou os trabalhos em 2017, mas no mesmo ano a apuração foi suspensa devido a possíveis irregularidades na composição dos membros. No ano passado retomou com novos integrantes, mas foi suspensa pela Justiça novamente.

Em janeiro, a desembargadora do Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT), Helena Maria Bezerra Ramos, revogou liminar e autorizou a retomada da CPI. A Procuradoria da Câmara recorre da decisão.

O objetivo da comissão é apurar em que circunstâncias o vídeo em que Emanuel, na ocasião deputado estadual, aparece recebendo maços de dinheiro do então chefe de gabinete do governo Silval Barbosa, Sílvio Correa.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO