17.06.2019 | 13h30


CLIMA DE CAMPANHA

Emanuel entrega 360 casas e admite disputar reeleição em 2020 com apoio do DEM, de Mauro

O prefeito fez discurso acalorado em que dispensou o palco e falou da proximidade com líderes do DEM, inclusive o governador Mauro Mendes.


DA REDAÇÃO

O prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (MBD), voltou a falar sobre reeleição e afirmou que acredita no apoio do partido Democratas (DEM), do governador Mauro Mendes, para eventual candidatura em 2020. O emedebista entregou as chaves de 360 casas do Conjunto Habitacional Nico Baract I, no bairro Coxipó da Ponte, nesta segunda-feira (17), com discurso em clima de campanha.

Pinheiro afirmou que possui uma ótima relação com os políticos do DEM. Ressaltando sua amizade com a família Campos, sendo o senador Jayme e seu irmão Júlio, o presidente da Assembleia da Legislativa, Eduardo Botelho e o governador de Mato Grosso, Mauro Mendes. 

Apesar de ter apoiado o senador Wellington Fagundes (PR), na última eleição para o Governo, Emanuel descarta qualquer problema com Mendes. 

“O calor humano, o calor popular é o meu combustível, é minha energia para tocar a vida pública. E é claro, não vou negar, é isso que me faz andar, é o que me faz trabalhar, é o que me motiva a cada dia a fazer as entregas para Cuiabá”, declarou.

Segundo Emanuel, uma nova disputa pela cadeira seria consequência do seu trabalho e dedicação pela população cuiabana. No entanto, ele pondera que “2020 é para 2020. Eu não quero antecipar o processo. Quero dar sequência a essas entregas. Hoje estou entregando o Nico Baracat I, realizando um sonho de milhares de famílias e vou entregar II e o III também, que é meu compromisso com a população de baixa renda", disse o prefeito.

Entusiasmado com o apoio de líderes comunitários ele desceu do palanque para fazer seu discurso em meio à população.

Assessoria

emanuel casas

Prefeito Emanuel Pinheiro dispensou o palco para fazer discurso junto com a população.

“O calor humano, o calor popular é o meu combustível, é minha energia para tocar a vida pública. E é claro, não vou negar, é isso  que me faz andar, é o que me faz trabalhar, é o que me motiva a cada dia a fazer as entregas para Cuiabá”, declarou. 

Até o mês de maio, o prefeito não falava em reeleição. Apenas comentava que esse não era seu projeto, mas recentemente o discurso tem mudado e desde que ele comentou que não poderia dizer "dessa água não beberei", a intenção em disputar a reeleição tem ficado cada vez mais clara.

 











(2) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Eduardo Alvarenga  18.06.19 14h50
Dessa vez não VOTO NELE, nem que seja candidato exclusivo ou UNICO.

Responder

0
0
Rodoolfo  17.06.19 14h30
Só faltou o PALETÓ!!!!!!

Responder

0
0

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER