11.03.2020 | 13h25


PODERES / MESA DIRETORA

Deputados aprovam antecipação da eleição a pedido da deputada Janaina

Deputada está grávida e sem a mudança não poderia participar da escolha


DA REDAÇÃO

A Assembleia Legislativa aprovou, em primeira votação, o Projeto de Emenda Constitucional (PEC) que antecipa a eleição da Mesa Diretora.

A proposta foi colocada em votação na sessão matutina desta quarta-feira (11) e recebeu 17 votos favoráveis e abstenções de Ulysses Moraes (PSL) e Faissal (PV).

Segundo o presidente do Legislativo, Eduardo Botelho (DEM), a PEC foi apresentada para dar oportunidade à deputada Janaina Riva (MDB) de participar da eleição.  A parlamentar está grávida e a previsão do parto é para final de agosto.

Conforme a Constituição estadual, a eleição da Mesa Diretora é feita na primeira semana do mês de setembro, o que deixaria Janaina fora do processo.

Agora, a matéria segue para segunda votação. Nesta etapa, deve ser apresentada uma emenda ao projeto definindo a data do pleito.

A deputada comemorou o resultado da votação e negou que a apresentação da PEC tenha sido manobra.

Ela defendeu a proposta apresentada pelo deputado Wilson Santos (PSDB) para que eleição ocorra no final do primeiro semestre, dando tempo para que os parlamentares possam participar das articulações do pleito municipal.

“Pessoalmente, eu não poderia estar setembro, também estamos falando de um período eleitoral, acho que favorece muito mais na última sessão do primeiro semestre, que seria antes do recesso, porque os deputados podem fazer votação e depois estão livres para construir as articulações municipais nas convenções”, disse.

Janaina, que atualmente é vice-presidente, ainda comentou que tem pretensão de disputar a presidência ou alguma secretaria da Mesa Diretora e ressaltou que a apresentação da PEC não estava condicionada a isso, mas sim em garantir sua participação na votação.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO