21.05.2020 | 16h05


PODERES / ASSUSTADOR

Deputado estima 70 mil casos de coronavírus até 1º de agosto em MT

Na semana passada, Lúdio Cabral havia projetado 60 mil casos no dia 1º de agosto e agora considera o crescimento de 41% na semana.



O deputado estadual e médico sanitarista Lúdio Cabral (PT) fez projeções atualizadas sobre o avanço da covid-19 em Mato Grosso, com base no crescimento do número de casos da doença registrados na última semana epidemiológica, entre 10 e 16 de maio. Lúdio apresentou os dados atualizados e as novas projeções nessa segunda-feira (18), na reunião da comissão especial que discute quando será o retorno às aulas em Mato Grosso, e alertou que é preciso manter o isolamento social. A nova análise prevê 70 mil casos de coronavírus até o dia 1º de agosto.

“Houve uma aceleração na taxa de crescimento, que era de 33% por semana e chegou a 41% na semana passada. Isso é reflexo do relaxamento das medidas de isolamento social, que começaram a ser afrouxadas no dia 27 de abril. Qualquer alteração nessas taxas causa uma diferença muito grande na progressão da pandemia, de modo que a projeção do número de casos para o futuro aumentou bastante em relação à projeção que fizemos na semana passada”, explicou Lúdio na apresentação dos dados.

Na semana passada, Lúdio havia projetado 1,5 mil casos de covid-19 no dia 1º de junho, mais de 6,5 mil casos em 1º de julho e quase 30 mil casos em 1º de agosto. As novas projeções apontam para 2,1 mil casos em 1º de junho, quase 12 mil casos em 1º de julho e mais de 70 mil casos em 1º de agosto.

“Esse dado assusta, mas considera a taxa de crescimento médio diário da última semana epidemiológica. É essa taxa que dá essa diferença enorme na curva. Se não houver mudança no comportamento social, na taxa de isolamento e na taxa média de crescimento do número de casos, é isso que nos espera em 1º de agosto: 70 mil casos de covid-19 em Mato Grosso”, alertou Lúdio.

Com as novas taxas de avanço da pandemia e com os novos leitos anunciados pelo estado, Lúdio Cabral prevê que todos os 235 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Sistema Único de Saúde (SUS) em Mato Grosso estejam ocupados no final de junho. “A previsão é chegar a 100% de ocupação dos leitos em 24 de junho. Na projeção anterior, isso aconteceria em 15 de maio”, disse.

Outro dado que preocupa Lúdio é a quantidade de casos por milhão de habitantes. “A taxa por milhão de habitantes em Mato Grosso já é superior à taxa por milhão de habitantes do Brasil. No dia 58, são 245 casos de covid-19 por milhão de habitantes em Mato Grosso, e foram 234 no Brasil”, observou. 











(2) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Walter liz  22.05.20 10h13
e tanta pitaco de previsão que mãe dinah deve estar preocupada com a concorrencia

Responder

1
0
Marcio Arantes  21.05.20 16h37
Ta de brincadeira né

Responder

2
0

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO