alexametrics
07.12.2019 | 07h55


OPINIÃO / BENEDITO FIGUEIREDO

Procedimento estético

Deve realçar sua beleza não transformá-la em outra pessoa

Todos os dias aparecem novos procedimentos aliados a novas técnicas que prometem o visual dos sonhos. Como aumentar mandíbula, afinar nariz, aumentar os lábios, aumentar as bochechas, paralisar aquela rugas, preencher as olheiras,  diminuir as pálpebras, a papada, etc e tal. Porém vale a pergunta? Será que preciso de tudo isso? Ou será que me deixei levar por modismos?

Nós cirurgiões plásticos temos como prática ouvir as queixas da paciente o que ela quer o que a incomoda para depois fazer uma análise do que realmente é apenas seguir o modismo ou se é necessidade da paciente e ainda o que realmente deixe seu rosto em harmonia.

Nossa função é realçar o que a pessoa já tem de bonito e muitas vezes precisa de um simples retoque para que a beleza existente fique visível aos olhos da própria paciente.

É importante que sempre que você receba um ‘diagnóstico’ de vários procedimentos que faça uma segunda avaliação.  Não se deixe levar e nem faça um procedimento que você tem pouca informação e ainda com profissionais que não sejam habilitados só porque ‘sua amiga’ fez não quer dizer que seja também a sua necessidade.

É comum na mídia ver casos de pacientes que ficaram com o rosto deformado ou por ter injetado produtos de mais, ou por contaminação, reação alérgica ou ainda inabilidade do profissional que está aplicando.

Por isso é importante pesquisar o procedimento a que tem interesse em se submeter, consultar profissionais habilitados para tirar todas as dúvidas, e se ainda assim não tiver certeza, pegue uma segunda opinião. Não faça nada em local que não seja um local apropriado como um consultório.

E lembre-se, um procedimento estético tem como função realçar o que você já tem de bonito, não torna-lo outra pessoa.

Benedito Figueiredo Junior é cirurgião plástico na Angiodermoplastic. CRM 4385 e RQE 1266. Email: drbeneplastica@gmail.com

Os artigos assinados são de responsabilidade do autor, não apresentando, portanto, a opinião do site ReporterMT.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.


Confira também nesta seção:

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime