14.12.2019 | 07h55


LICIO MALHEIROS

Ação Criança Feliz

A Casa da Sopa, como carinhosamente é conhecida em Poconé, é um lugar salubre e cuidado com amor e carinho

Toda ação corresponde a uma reação de sentido contrário e de maior intensidade, terceira lei de Newton. Agora, quando essa ação é propalada por Deus, visando ajudar crianças carentes que se encontram em total vulnerabilidade social, ai sim, essas ações necessitam de maior intensidade e força mesmo, visando ajudar o próximo.

As ações sociais implementadas, visando ajudar instituições e seguimentos sociais organizados, objetivando levar as pessoas carentes o mínimo possível, para suas sobrevivências, é algo memorável. Agora, quando estes trabalhos visam ajudar crianças carentes, ai sim à coisa muda de figura.

O dia 8 de dezembro de 2019 ficará marcado nos anais de uma festa comemorativa ao dia de Natal, que se realiza há 7 anos consecutivos, em uma instituição filantrópica, que acolhe crianças, em estado de vulnerabilidade social, entre 2 anos a 13.

Reporto-me, a Casa da Sopa de Poconé, que vem prestando trabalho de excelência, as  crianças que necessitam de tudo em termos de bens materiais, porém existem alguns casos extremados, em que  essas crianças precisam mais do que isso, estão carentes também,  de amor e carinho.

Mesmo com parcos recursos, o Diretor dessa conceituada entidade filantrópica, o senhor Alisson Roberto da Silva Santos, capitaneado por uma plêiade de  valorosos voluntários e apoiadores abnegados,  que não mediram esforços, no sentido de arrecadar donativos, para que essa festa fosse o sucesso que foi.

Depois que conheci a amplitude e importância desse projeto de altíssimo alcance social, e sua seriedade; no acolhimento e tratamento das crianças humildes, que necessitam de tudo, resolvi de forma modesta, também ajudar nesse processo, com o mínimo que posso fazer divulgar e propagar, esse belíssimo trabalho desenvolvido por eles.

Além disso, participei dessa festa emprestando um mínimo do meu tempo e dedicação a ajudar na realização desse evento, que para muitos poderia ser algo simples e corriqueiro, porém para essas crianças essa festa era a  festa das suas vidas, e foi realmente um sucesso e emocionante.

A Casa da Sopa, como carinhosamente é conhecida em Poconé, é um lugar salubre e cuidado com amor e carinho, as crianças são bem tratadas e respeitadas, existindo ali disciplina, cordialidade e amor ao próximo, até porque, o senhor Alisson, mora nos fundos com sua família em uma casinha simples, porém repleta de amor e religiosidade, pois o mesmo faz parte da carismática.

Bom, existem coisas que são preparadas por Deus, eu ajudei naquilo que estava ao meu alcance, ajudando embalar os presentes para 60 crianças, além de nominá-las, além de mim muitas pessoas ajudaram coordenadas pela senhora Taisa Assis Campos, que contou também, com apoio e dedicação de muitas pessoas voluntárias ungidas por Deus.

No domingo dia 8 de dezembro, momento em que aconteceu a festa, no transcorrer da mesma, para minha surpresa, fui agraciado por Deus, para entrar vestido de Papai Noel, me senti lisonjeado, porém preocupado,  pois nunca havia tido essa oportunidade.

Foi maravilhoso, assim que entrei e interagi com as crianças, foi  algo indescritível, confesso fui literalmente às lágrimas.

Primeiro, pelo acolhimento e carinho das crianças, e por saber, que uma dessas crianças de apenas 2 anos, havia recentemente ficado órfão, e com ele, ficaram 4 irmãos, pois seu pai havia cometido suicídio, como não chorar; mesmo assim, a festa foi sucesso inconteste.       

O senhor Alisson diz “Quero agradecer, desde a pessoa que doou um sabonete, até a família que doou todos os docinhos”. “Além das instituições jurídicas, como a Assembleia Legislativa de Mato Grosso,  através da Assembleia Social, fez generosa doação, com 0,5 toneladas de alimentos, não perecíveis” “Agradeço também, ao deputado estadual Elizeu Nascimento (DC), que ajudou com uma quantia significativa”.

Quem dá aos pobres, empresta a Deus!

Professor Licio Antonio Malheiros é geógrafo

Os artigos assinados são de responsabilidade do autor, não apresentando, portanto, a opinião do site ReporterMT.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.


Confira também nesta seção:
18.01.20 07h55 »  Regras de transição
18.01.20 07h55 »  Saúde mental
18.01.20 07h55 »  Beleza sem medo
18.01.20 07h55 »  MP 910
17.01.20 08h29 »  Fim da Escola Nilo Póvoas
17.01.20 08h26 »  Retalhos
17.01.20 08h25 »  Nova Poconé
17.01.20 08h21 »  Por Mato Grosso, pelo Brasil
16.01.20 08h33 »  Governo na contramão
16.01.20 08h30 »  Importância do cadastro positivo

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO