22.08.2019 | 10h09


VEJA O VÍDEO

Travestis são agredidas com pedaços de madeira no meio da rua

Os autores do espancamento ainda não foram identificados. Polícia Civil investiga o caso



Delegacia Especial de Repressão aos Crimes por Discriminação Racial (Decrin) iniciou a investigação do espancamento de duas travestis em Taguatinga. A agressão aconteceu no último final de semana, e a dupla responsável pelo ataque ainda não foi identificada.

Em um vídeo, é possível ver um dos homens com um pedaço de pau na mão, enquanto o colega dele vai até o canteiro para pegar outra madeira. A briga se divide até o momento em que uma das travestis cai desacordada. Logo após, os dois ofensores partem para cima da outra vítima, que também fica caída no chão.

Na tentativa de escapar do local, um dos agressores arranca com o carro e quase deixa para trás o outro responsável pelo espancamento.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER