16.02.2020 | 09h35


NACIONAL / SINAIS DE ENFORCAMENTO

Menina de 10 anos que desapareceu é achada morta

Criança foi encontrada em matagal com sinais de estrangulamento na região de Mariana, ao lado de Ouro Preto



Um crime bárbaro chocou a região de Mariana, em Minas Gerais. Uma menina de 10 anos, que morava em Furquim, distrito com aproximadamente 1,6 mil habitantes, foi achada morta nesse sábado (15).

Ingrid Cristina Zacarias Borges (foto em destaque) estava desaparecida desde o começo da tarde de sexta-feira (14/02/2020), quando saiu para buscar leite. O corpo foi encontrado com sinais de enforcamento em um matagal, coberto por folhas de árvores, perto de uma antiga estação ferroviária.

“Era uma menina muito dócil, carinhosa. Foi uma notícia que pegou todo mundo de surpresa. Não tem nem o que falar. Foi a primeira vez que soube de alguma coisa do tipo”, disse Vanessa Marques, tia da criança, segundo o jornal O Tempo.

Populares farão um protesto pela morte da menina. Mãe da melhor amiga da criança, Renata Aparecida Carneiro Neri organizou a manifestação. Foi ela quem chamou a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros após o desaparecimento da menina. A família, diz, estava muito abalada e ela tentou auxiliar nas buscas.

“Está todo mundo super abalado, ninguém está acreditando. A crueldade foi enorme. Um crime muito brutal. Não temos apoio algum aqui, é um povoado pacato, mas não temos um centro policial”, afirmou, ainda de acordo com a reportagem.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

Enquete

QUARENTENA

Você é a favor de parar tudo ou só isolar grupo de risco?

Sim, parar tudo é a melhor solução para conter o vírus

Não, parada total é suicídio econômico; será o caos pior que a doença

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO