25.05.2020 | 07h46


NACIONAL / OPORTUNIDADE

Mais de 100 concursos oferecem 15,4 mil vagas pelo país

Há oportunidades para todos os níveis de escolaridade. Somente os Correios têm mais de 4,4 mil vagas em aberto e os salários podem chegar a R$ 18,5 mil na Prefeitura de São Gabriel do Oeste (MS).



O Brasil tem pelo menos 109 concursos públicos com inscrições abertas nesta segunda-feira (25) que, juntos, oferecem mais de 15,4 mil vagas. Há oportunidades para todos os níveis de escolaridade.

Só na Prefeitura de São Gabriel do Oeste, no Mato Grosso do Sul, há oportunidade com remuneração que chega a R$ 18.536,94.

Dentre os concursos federais em aberto, os destaques são para o dos Correios, com 4.462 vagas, e o do Departamento Penitenciário Nacional (Depen), com 309 vagas. As inscrições vão até o dia 29 de maio para o dos Correios e até o dia 5 de junho para o do Depen.

Dos mais de cem concursos em aberto, quatro começam a receber as inscrições nesta segunda-feira. Juntos, estes quatro ofertam 128 vagas para todos os níveis de escolaridade.

Veja abaixo os detalhes dos concursos que abrem as inscrições nesta segunda-feira:

Prefeitura de Ritápolis (MG)

  • Inscrições: até 24/06/2020
  • 40 vagas
  • Salários: até R$ 6.662,74
  • Cargos de nível fundamental, médio e superior
  • Veja o edital
  • Prefeitura de São Sebastião da Bela Vista (MG)
  • Inscrições: até 23/06/2020
  • 57 vagas
  • Salários: até R$ 2.892,56
  • Cargos de nível fundamental, médio, técnico e superior
  • Veja o edital
  • Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT)
  • Inscrições: até 21/06/2020
  • 29 vagas
  • Salários: até R$ 4.180,66
  • Cargos de nível médio e superior
  • Veja o edital
  • Prefeitura Municipal de Cabixi (RO)
  • Inscrições: até 05/06/2020
  • 2 vagas
  • Salários: até R$ 1.500,00
  • Cargos de nível superior
  • Veja o edital










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO