11.07.2019 | 10h03


MONSTRUOSIDADE

Jovem é esquartejada em 14 pedaços após encontro marcado em aplicativo

A defesa alega que a morte da mulher foi acidental, afirmando que os envolvidos praticaram uma relação sexual consensual.



Uma americana, de 24 anos, foi considerada desaparecida após um segundo encontro que teve com uma mulher que conheceu pelo aplicativo de encontros Tinder. O sumiço de Sydney Loofe, de cidade americana de Edgar, começou a ser investigado em 15 de novembro de 2017.

Os acusados são Aubrey Trail, de 52 anos, e sua namorada, Bailey Boswell, de 25. O julgamento do casal começou esta semana e, de acordo com a Promotoria, a vítima foi esquartejada em 14 pedaços, separados em sacos plásticos de lixo.

Sidney foi atraída por Bailey, que agiu de acordo com indicações de Aubrey, segundo a acusação. A defesa dos dois alega que a morte da mulher foi acidental, afirmando que os três praticaram uma relação sexual consensual que envolvia “prática de asfixia”. Porém, a Promotoria alega que o crime foi premeditado. A sentença do casal pode ser a morte.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER