07.11.2019 | 14h14


FEMINICÍDIO

Jovem é espancada com taco de beisebol e estrangulada em encontro

Ela conheceu o agressor em app de paquera. Após ataque sádico, o adolescente tirou fotos e as compartilhou com um amigo e um irmão



Uma jovem britânica de 19 anos passou momentos de terror no apartamento do garoto que ela conheceu por meio de um app de paquera, em Loughborough, na Inglaterra. Em ataque sádico, ela foi espancada com um taco de beisebol e estrangulada até desmaiar. As informações são do jornal britânico The Mirror.

Segundo a publicação, o agressor atingiu Emily Harvey por tantas vezes com o taco de madeira, que ele partiu ao meio. Ela ainda foi agredida na cabeça com uma frigideira. No relato aterrorizante, a jovem revela que o rapaz, de 17 anos, também usou o tubo de um aspirador de pó para estrangulá-la até desmaiar. Os ataques ocorreram por cerca de seis horas seguidas.

À Corte de Leicester Crown, a garota contou que o agressor, não identificado por razões legais, tirou fotos dela, aterrorizada e encolhida sobre o sofá da casa, e compartilhou com um amigo e um irmão. Em vários momentos, ele ainda usou um cachimbo para soprar a fumaça sobre ela.

Em entrevista ao Leicester Live, a jovem comentou que tinha certeza que iria morrer quando ele começou a apertar o pescoço dela. “Naquele momento pensei: É isso. Ele vai me matar. Então tudo ficou preto”, disse.

Ela não tem ideia de quanto tempo ficou inconsciente, mas, quando acordou, o rapaz a acusou de tentar esfaqueá-lo e, aos berros, mandou que ela fosse embora. A jovem correu até a casa de um vizinho do adolescente, que chamou a polícia.

Os dois se conheceram no aplicativo de namoro Badoo. Segundo ela, os dois haviam conversado bastante antes que ela concordasse em ir ao apartamento dele. “Ele era engraçado e disse que gostava de mim. Conversamos por cerca de um mês. Também enviamos mensagens no Snapchat”, lamentou. O jovem foi condenado a cinco anos de detenção.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO