07.04.2020 | 15h41


NACIONAL / CRUELDADE

Homem é preso suspeito de matar a tiros cachorro que tinha comido galinhas dele

Segundo a PM, homem confessou o crime e tentou resistir quando a equipe deu voz de prisão. Na casa onde mora, foi encontrada a arma que teria sido usada para fazer os disparos.



Um homem de 52 anos foi preso suspeito de matar, a tiros, o cachorro de uma vizinha, em Rialma, a 180 km de Goiânia. Segundo a ocorrência da Polícia Militar, ele confessou ter efetuado os disparos e alegou que agiu porque o animal havia comido algumas galinhas dele.

"Ele disse que o cachorro já tinha entrado três vezes na casa dele e matado umas galinhas que ele cria no quintal. Nessa última vez, ele pegou uma arma e deu um tiro nele", afirmou o delegado Matheus Costa Melo.

Como o nome do investigado não foi divulgado, o G1 não conseguiu localizar a defesa dele para que se pronunciasse sobre o crime.

A PM chegou até o homem após uma denúncia da dona do cachorro. A corporação foi até a casa dele e, diante da confissão do crime, deu voz de prisão. Segundo o boletim, o morador reagiu e foi necessário contê-lo.

Na residência, os policiais encontraram uma espingarda de pressão que foi modificada para se tornar uma arma de fogo calibre 22. A suspeita é que ela tenha sido usada para atirar no cachorro.

 

Além disso, também foram encontrados mais oito cartuchos com balas e um frasco de pólvora. Todo o material foi levado para a delegacia. O homem foi autuado em flagrante por crime ambiental, posse ilegal de arma de fogo e resistência.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO