25.02.2020 | 00h17


NACIONAL / VIOLÊNCIA

Filha, neta e genro são presos acusados de matar idosa



Uma família foi presa acusada de matar uma idosa de 61 anos, no bairro Jardim Odete, em São Paulo. O genro, de 25 anos, a filha, de 36, as netas, de 19 e 14 anos, da idosa foram detidos. O  crime aconteceu na tarde do último sábado (22).

A Polícia Militar foi acionada para atender à ocorrência. Ao chegar ao local, a equipe foi recebida por umas das suspeitas, que é filha da vítima. O Samu e o Corpo de Bombeiros também estiveram no local, mas ao chegarem Marivalda dos Santos, de 61 anos, já estava morta.

De acordo com os policiais, a vítima apresentava marcas no pescoço que indicam que ela teria sido assassinada. Uma testemunha teria informado que a idosa enfrentava problemas de relacionamento com a filha e suas duas netas. O suposto conflito estaria relacionado à uma indenização no valor de aproximadamente R$ 140 mil que a vitima teria recebido.

Após a prisão, o companheiro da filha da idosa teria contado à polícia que a família teria cometido o crime. O caso foi registrado como homicídio qualificado e ato infracional por homicídio. 

O corpo de Marivalda dos Santos, de 61 anos, foi velado na manhã desta segunda-feira (24), na capela do Cemitério Morada da Paz, em Itaquaquecetuba, Região Metropolitana de São Paulo.

Com informações do Portal R7!











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

Enquete

QUARENTENA

Você é a favor de parar tudo ou só isolar grupo de risco?

Sim, parar tudo é a melhor solução para conter o vírus

Não, parada total é suicídio econômico; será o caos pior que a doença

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO