12.12.2019 | 14h59


PÊNIS E SEIOS

Revista Pixé provoca leitores com cenas de nudez e incitação ao sexo explícito

Segundo o editor da revista, o advogado Eduardo Mahon, as obras promovem uma provocação que leva o leitor a uma reflexão.


DA REDAÇÃO

A revista literária Pixé trouxe em sua publicação de dezembro as provocantes pinturas do artista Victor Arruda, em que aborda a nudez de forma explícita e híbrida. De forma abstrata, a capa da edição n°9 traz homens e mulheres com seios e pênis à mostra.

As ilustrações durante as páginas exibem desde os órgãos genitais, posições e o ato sexual em seu curso.

Segundo o editor da revista, o escritor e advogado Eduardo Mahon, as obras de Arruda promovem uma provocação que leva ao leitor uma reflexão.

”Ele [Arruda] trabalha como hibridismo. Toda provocação da indefinição e da redefinição sexual... Achei interessante e coloquei isso na capa. Ele é um artista cuja pintura faz pensar”, conta Mahon.

“O nu é uma das coisas mais interessantes para se tratar. Uma parte da arte já se descolou do figurativo humano, mas tenho a impressão de que o figurativo humano ainda tem muito para dar. No caso do Victor Arruda esse figurativo tem uma postura social e politica. Acho importante que aborde isso”... continua.

A revista não recebe apoio financeiro da Secretaria de Estado de Cultura de Mato Grosso (Secel) ou da Secretaria da Cultura, Esporte e Turismo de Cuiabá.

Segundo a Secel, nenhum das edições teve patrocínio da Secretaria, no entanto,  ela apoia iniciativas independentes que visem à cultura de Mato Grosso. 

"O que existe é uma possibilidade, discutida, mas nunca encaminhada de que o Governo poderia vir a investir na revista. Porém, não existe nada pactuado, nada formalizado. A revista nunca recebeu recurso da Secretaria", informou. 

"Defendemos todas as formas de arte... Isso é importante democrático", continuou. 

Galeria de Fotos:
Crédito:
Crédito:
Crédito:










(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Thiago  12.12.19 15h59
Thiago, seu comentário foi vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO