21.03.2020 | 11h50


GERAL / CIDADE CONFIRMA CORONAVÍRUS

Prefeita de VG segue Emanuel e deve mandar fechar comércio

Diógenes Marcondes, secretário de saúde de Várzea Grande, declarou que devem ocorrer medidas mais severas no combate ao avanço do Coronavírus.


DA REDAÇÃO

Em nota oficial, o secretário municipal de saúde de Várzea Grande, Diógenes Marcondes recomendou o fechamento de estabelecimentos comerciais na cidade, após a primeira confirmação de um caso atestado positivo para o Coronavírus (Covid-19).

A cofirmação do 1º caso positivo em Várzea Grande aconteceu na noite de sexta-feira (20). Em nota, ele destacou que o Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus de Várzea Grande,  vai adotar novas medidas apostando na conscientização das pessoas

 

“É um paciente adulto, jovem, com uma boa qualidade de saúde, portanto, sem comorbidade anterior ao COVID 19, assistido e sem gravidade, com acompanhamento”, disse o secretário.

O paciente tem histórico de contato com um caso confirmado no estado do Rio Grande do Sul.

Este é o segundo caso confirmado em Mato Grosso, conforme cálculo da secretaria de Estado de Saúde.

Leia mais: Governo confirma segundo caso de coronavírus em MT

O secretário também orientou que as pessoas não saiam de casa, exceto em casos de extrema necessidade.

Cuiabá, na mesma noite da confirmação em VG, havia baixado um decreto determinando o fechamento de estabelecimentos comerciais.

Leia mais: Emanuel decreta fechamento do comércio de Cuiabá para conter avanço do Coronavírus

Ficam abertos normalmente apenas mercados, supermercados, clínicas de saúde privadas. Restaurantes e lanchonetes atenderão somente por meio de entregas (delivery).











(2) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Teo  22.03.20 14h03
Vai la.e manda fechar a marfrig...quero ate ve?? Todo dia tem boi de seu marido la pra abater...jaime campos....kkk.......vamos ver?

Responder

5
0
Contribuinte  21.03.20 12h29
Bom seria um decreto determinando a suspensão das contas de água e luz na casa dos trabalhadores que dependem dos comércios. Assim como auxílio aluguel e alimentação distribuídos pela prefeitura. Ou será que a alternativa de combate a epidemia é afundar financeiramente a população? Agora é a hora da prefeitura fazer valer os impostos que pagamos e buscar medidas que tem como foco real o bem estar da população. Não essa palhaçada pra querer mostrar serviço e dar uma de manda chuva sendo que está mais prejudicando que precisa . Onde estão os infectologistas de V. G? Onde estão os pesquisadores da ufmt ? Cadê o respaldo científico dessas medidas? #chegadepãoecirco

Responder

46
0
Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

Enquete

QUARENTENA

Você é a favor de parar tudo ou só isolar grupo de risco?

Sim, parar tudo é a melhor solução para conter o vírus

Não, parada total é suicídio econômico; será o caos pior que a doença

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO