15.02.2020 | 07h45


GERAL / 'DIA D' CONTRA SARAMPO

Postos de saúde ficam abertos durante todo o dia para vacinação

Público alvo engloba crianças de 5 anos a jovens com 19 anos



Hoje é “Dia D” da vacinação contra sarampo. Todos os postos de saúde de Cuiabá e Várzea Grande, assim como de várias cidades do interior do Estado, estarão abertos das 8h às 17h, sem fechar no horário do almoço.

Essa é a terceira etapa da campanha nacional de vacinação e tem como público alvo crianças de 5 anos a jovens com 19 anos. Entretanto, crianças menores que não tenham sido imunizadas podem ser levadas aos postos de saúde para regularizar a caderneta.

Em Mato Grosso, a meta é vacinar quase 30 mil pessoas nessa terceira fase.

De acordo com dados da Vigilância Epidemiológica da SES, na faixa etária de 5 a 9 anos, existem 7.849 pessoas que não tomaram a vacina; na faixa etária de 10 a 14 anos, existem 17.241 pessoas não vacinadas e, na faixa etária de 15 a 19 anos, 4.450 pessoas que ainda não se imunizaram contra o sarampo.

A campanha segue até o dia 13 de março.

A tríplice viral, como é conhecida, protege contra sarampo, caxumba e rubéola. Nas crianças, a indicação é aplicar aos 12 meses de idade e nos momentos em que ocorrerem as campanhas de seguimento para vacinação contra o sarampo. Entretanto, devido à reinserção do vírus no Brasil, após 20 anos, em 2019, na primeira fase da campanha, foram imunizadas crianças a partir de 6 meses.

Em seguida, foi o público adulto na faixa-etária de 20 a 29 anos.

Outra fase

 

De 03 a 31 de agosto, mais uma fase campanha será realizado e o público alvo são pessoas com 30 a 59 anos de idade, sendo que o Dia D de mobilização nacional será em 22 de agosto (sábado).

Quem já foi imunizado, não precisa tomar nova dose.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

Enquete

QUARENTENA

Você é a favor de parar tudo ou só isolar grupo de risco?

Sim, parar tudo é a melhor solução para conter o vírus

Não, parada total é suicídio econômico; será o caos pior que a doença

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO