31.01.2020 | 11h56


ACIDENTE FATAL

Perícia aponta que caminhão invadiu pista contrária em acidente que matou pai e filha

Veículo bateu de frente com o Honda CRV no km 798 da BR-163, em Vera. Além das mortes, outros dois ficaram feridos.


DA REDAÇÃO

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) apontou, de forma preliminar, que o motorista do caminhão Mercedes Benz 113 foi o responsável pelo grave acidente na tarde de quinta-feira (30), que vitimou o empresário Cleyton Nunes, de 40 anos, sua filha Maria Eduarda, de 8 anos, e deixou outras duas pessoas gravemente feridas .

O caminhão bateu de frente com o Honda CRV, dirigido pelo empresário, no km 798 da BR-163, em Vera (458 km da Capital). A mulher de Cleyton e um menino de 8 anos que estão internados no Hospital Regional de Sinop (500 km de Cuiabá).

A família é de Lucas do Rio Verde (335 km de Cuiabá) e retornava de férias do estado do Pará.

O caso

Segundo a Rota do Oeste, concessionária que administra o trecho, com o impacto da batida, os quatro ocupantes do foi acionado carro ficaram presos às ferragens e o Corpo de Bombeiros para fazer o desencarceramento das vítimas.

Cleyton morreu na hora. A mulher e as duas crianças receberam os primeiros socorros e foram encaminhados para uma unidade de saúde por uma ambulância de resgate dos bombeiros e outra da Rota do Oeste.

No entanto, Maria Eduarda não resistiu aos ferimentos e morreu no início da noite. 

O motorista do caminhão não ficou ferido. 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO