22.11.2019 | 10h50


EMERGÊNCIA NO AR

Passageiro passa mal em voo que saiu de Várzea Grande; Gol aciona médicos de Guarulhos

Essa é a segunda ocorrência envolvendo a Companhia Gol, em menos de 48 horas. A primeira ocorreu por conta de uma pane elétrica na aeronave.


DA REDAÇÃO

Um passageiro que embarcou num avião da companhia aérea Gol no Aeroporto Internacional Marechal Rondon em Várzea Grande com destino a Guarulhos (São Paulo) passou mal durante a viagem e precisou de atendimento especial, na última quarta-feira (20).

A situação ocorreu no voo 1421 que saiu da região metropolitana de Cuiabá às 05h40. A assessoria de imprensa do Aeroporto de Guarulhos informou ao que não houve pouso de emergência e que apenas profissionais da saúde foram acionados para prestar auxílio ao doente dentro da aeronave.

Ainda, segundo a assessoria, apenas a Gol poderá informar o motivo pelo qual o passageiro precisou ser socorrido, tendo em vista que, a situação atípica, não provocou nenhum tipo de atraso no voo que pousou dentro do horário programado.

Transtorno

Na última terça-feira (19), um voo que saiu do município de Sinop (500 km de Cuiabá), com mais de 100 passageiros, com destino a Porto Alegre (RS), precisou retornar a Várzea Grande por suposta pane elétrica.

O motivo da parada emergencial ainda não foi informada pela empresa aérea. Neste caso, por medidas de segurança, a companhia faz uma manutenção não programada na aeronave. 

Em publicação na rede social Instagram, na manhã de quinta-feira (21), a jornalista Débora Lobbo descreveu a sensação de pânico vivida dentro da aeronave. Ela explica que chegou ao seu destino com 12 horas de atraso por algum problema técnico, não informado.

“Cansados, descabelados, com 12 horas de atraso, mas enfim chegamos a Porto Alegre. Grata pelo livramento de Deus aos perigos que a @voegol nos submeteu”, desabafou a jornalista.

Débora escreveu ainda que embora tenha saído de um município de Mato Grosso, o trajeto do avião não pousaria na grande Cuiabá, em razão da nova rota aérea criada pela companhia que começou a operar na cidade recentemente.

Outro lado 

Em relação à primeira ocorrência, a Gol encaminhou um posicionamento onde explica apenas que o voo G3 1421 operou normalmente. Não há informações quanto aos detalhes sobre o estado de saúde do passageiro.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO