16.02.2020 | 16h55


POLÍCIA / AFUNDAMENTO DE CRÂNIO

Mulher sofre traumatismo craniano após ficar presa em mesa de abate de frigorifico de MT

A vítima, identificada apenas como Estela, já recebeu alta médica e está em casa



Uma mulher, identificada apenas como Estela, de 41 anos, teve traumatismo craniano após ficar presa na mesa de abate de bovinos do frigorífico Marfrig onde trabalha, no município Pontes e Lacerda (483 km de Cuiabá). 

Conforme apurou o , uma equipe do Corpo de Bombeiros atendeu a ocorrência e encaminhou a funcionária para o Hospital Vale do Guaporé. Ela teria sofrido um afundamento de crânio.

A Polícia Militar também esteve no local e registrou boletim de ocorrência.

Um funcionário do frigorífico informou que a trabalhadora não corre risco de morte e, inclusive, já recebeu alta no sábado (15). Ela está em casa em recuperação. 

A Delegacia de Polícia Civil de Pontes e Lacerda investiga o caso.

 











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

Enquete

QUARENTENA

Você é a favor de parar tudo ou só isolar grupo de risco?

Sim, parar tudo é a melhor solução para conter o vírus

Não, parada total é suicídio econômico; será o caos pior que a doença

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO