14.03.2019 | 10h40


VEJA FOTOS E VÍDEOS

Mulher acidentada em tobogã tem suspeita de lesão na coluna

Tatiele Leal vai passar por ressonância nesta quinta-feira devido as fortes dores que sente na lombar. Ela continua com vários hematomas após ter se machucado no tobogã do Ácqua Park.


DA REDAÇÃO

Tatiele Leal, de 30 anos, que se machucou durante descida no tobogã do Ácqua Park no último dia 05 de março, deve passar por exame de ressonância magnética nesta quinta-feira (14), após suspeita de lesão na coluna. O procedimento será necessário devido as constantes dores que sente na lombar há mais de uma semana.

A informação foi confirmada ao , na noite de quarta-feira (13), pelo namorado dela, Rafael Yonekubo.

O acidente no parque aquático, de propriedade do conselheiro afastado do Tribunal de Contas do Estado (TCE), ex-deputado Sérgio Ricardo, ocorreu na última terça-feira (05), feriado de Carnaval, quando o local estava lotado de banhistas.

0c801046e98140bbec94774a40b61336.jpg

Hematomas nos braços de Tatiele.

O vídeo divulgado no Facebook por Rafael Yonekubo mostra que ao descer do toboágua ela se choca violentamente contra as laterais do escorregador. Já no final do percurso, metade do corpo sai do equipamento e cai na piscina. Em seguida, é socorrida por salva-vidas. Segundo a família, ela não desmaiou durante a descida, como informou o em reportagem anterior.

Tatiele sofreu vários hematomas pelo corpo e precisou ser imobilizada, com uso de colete cervical, para então ser encaminhada ao Pronto-Socorro de Cuiabá, pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Após ser liberada pelos médicos, continuou com dores na lombar e precisou ser encaminhada pela família ao Hospital Ortopédico.

“Lá gastei consulta, tratamento de choque e remédios. Tudo ficou em R$ 840. Agora tem a ressonância R$ 350”, contou Rafael.

A única ajuda financeira feita pelo Ácqua Park, segundo o namorado de Tatiele, foi relativa à compra de remédios após ela ter alta médica.

Nas redes sociais, Rafael Yonekubo acrescentou que outras pessoas já sofreram acidentes no parque aquático. Segundo ele, devido a falta de segurança.

Veja o vídeo

 

Outro lado

O não conseguiu contato com o Ácqua Park até a publicação desta reportagem. No dia do acidente o estabelecimento informou, por meio de nota, que o vídeo divulgado está cheio de montagens e que tomará providências no sentido de processar o casal.  Ressaltou que os equipamentos do Ácqua Park são seguros e fiscalizados pelo Corpo de Bombeiros.

Confira a nota na íntegra:

Ácqua Park está acompanhando essa campanha de tentativa de difamação orquestrados pelo sr.Rafael, que está tentando aparecer a todo custo pois resolveu “entrar pra política”. O ACQUA PARK ja está adotando todas as providências jurídicas com relação a essa campanha mentirosa do sr. Rafael e de sua namorada Tatieli. Tanto é mentirosa que ambos desceram nos toboáguas e não sofreram absolutamente nada, conforme os próprios já divulgaram em suas redes sociais. Fizeram uma Montagem de um vídeo cheia de trucagens para denegrir. Irão responder por isso na justiça. Todos os brinquedos do ACQUA PARK são fabricados por empresas especializadas e todos os toboáguas possuem ART, que garante a segurança deles ,sem contar que todos os brinquedos, inclusive os toboáguas são operados por bombeiros civis treinados e capacitados. O sr. RAFAEL disse que é “autoridade “ pois assessora um deputado Estadual de Mato Grosso . Apenas lembramos isso não da ao sr. Rafael o direito de mentir vergonhosamente . Por isso, ele e sua namorada , que estão divulgando essas mentiras nas redes sócias, irão responder na justiça numa ação de injúria, calúnia e difamação.

Leia mais

Parque interdita toboágua após acidente em Cuiabá

Mulher desmaia e quase é arremessada para fora de tobogã

 

Galeria de Fotos:
Crédito: Arquivo pessoal
Crédito: Arquivo pessoal
Crédito: Reprodução
Crédito: Reprodução










COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

Enquete

ABUSO DE AUTORIDADE

Você concorda com aprovação da Lei para punir juízes?

Concordo: MP e Juízes erram muito e prejudicam pessoas de bem

Não concordo. A aprovação da lei é que é um abuso

Bolsonaro deveria vetar a lei

Bolsonaro deve sancionar a lei

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER