16.09.2014 | 11h30


NOSSA SENHORA DO LIVRAMENTO

Motorista morre após perder o controle da direção de Prisma e cair em ribanceira

Peritos da Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec) foram até o local para apurar as causas do incidente.


DA REDAÇÃO

Roberto Carlos Oliveira, de 36 anos, morreu após cair com o Chevrolet Prisma que dirigia em uma ribanceira, às margens da MT – 060, próximo do município de Nova Senhora do Livramento (45 km de Cuiabá). O incidente ocorreu na noite desta segunda-feira (15).

Conforme informações da Polícia Militar, testemunhas informaram que o motorista seguia sentido Poconé (65 km da capital), quando teria perdido o controle do veículo. O carro teria rodado na pista e caído na ribanceira.

Roberto estava de cinto, porém com o impacto da colisão ao solo, acabou morreu no local. Motoristas que trafegavam na pista e testemunharam o incidente, acionaram a PM.

O corpo foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para fazer o exame de necropsia. Peritos da Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec) foram até o local para apurar as causas do incidente.

Na mesma rodovia, próximo a comunidade de Santana, o motociclista Adão Domingos da Silva, de 40 anos, morreu após bater de frente em uma camionete Frontier. A colisão fatal ocorreu por volta das 20h do último domingo (14).

PM informou que o motociclista trafegava sentido Nossa Senhora do Livramento, quando teria perdido o controle da moto e colidido com a camionete.

Diante da alta velocidade que os dois trafegavam o impacto da colisão foi muito forte, matando Adão na hora. A motocicleta e a frente da Frontier ficaram totalmente destruídos. 

Após a batida, o motorista da camionete permaneceu no local e foi ouvido pela Delegacia Municipal de Nossa Senhora do Livramento. Ele deve ser autuado por homicídio culposo (sem intenção).











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER