17.02.2020 | 16h35


GERAL / 'NEGLIGÊNCIA E AGRESSÃO'

Mãe ‘encontra’ filha de 2 anos machucada em creche e denuncia servidores à polícia

A equipe da creche Renisea Guilhermette Barua, segundo a mãe, não soube explicar o que aconteceu com a criança.


DA REDAÇÃO

A mãe da menina K.E., de 2 anos, registrou um boletim de ocorrência na Polícia Civil contra a creche Renisea Guilhermette Barua, onde a criança estuda, no bairro Despraiado, em Cuiabá. A mulher acusa funcionários de negligência e agressão, após encontrar a filha com nariz e boca, machucados.

Conforme o boletim de ocorrência, na última terça-feira (11), a mulher recebeu uma ligação em que foi informada que uma criança havia mordido a menina e que, algum responsável, deveria buscá-la.

O avô materno foi à unidade educacional e encontrou a neta com machucados diferentes do que haviam dito por telefone. K. estava com a boca e o nariz bastante feridos.
A equipe escolar não soube explicar o ocorrido e pediu para que o responsável retornasse no dia seguinte.

Diante dos fatos, a mãe da criança foi até a creche na manhã seguinte e foi atendida pela diretora Maria Helena, que também não soube explicar o que aconteceu.

Na denúncia, a mãe informa que a unidade passou por uma troca de professores e acusa os novatos de serem responsáveis pelo acidente da filha, pois, eles não têm tato com as crianças. O caso será investigado pela Delegacia Espec de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente.

A Secretaria Municipal de Educação (SME) informou que entrou contato com a diretora da creche e ela negou todas as acusações.

No entanto, uma assessora pedagógica foi enviada a creche Renesia Guilhermette Barua para apurar os fatos.

As recomendações da SME são de que qualquer reclamação denúncia ou elogio, a pessoa deve acessar a Ouvidoria da Secretaria Municipal de Educação, pelo telefone, 0800 647 0131.

Horário de atendimento – das 8h às 12h e das 14h às 18h, de segunda a sexta-feira (exceto nos feriados e pontos facultativos).

Quando as apurações forem concluídas a SME irá se posicionar.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

Enquete

QUARENTENA

Você é a favor de parar tudo ou só isolar grupo de risco?

Sim, parar tudo é a melhor solução para conter o vírus

Não, parada total é suicídio econômico; será o caos pior que a doença

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO