02.06.2020 | 10h30


GERAL / VÍTIMA DO DESESPERO

Jovem sobe em torre de 110 metros, ameaça se jogar, passa mal e desmaia; veja

Caso aconteceu no município de Novo São Joaquim na última sexta-feira (29). A garota de 17 anos queria tirar a própria a vida por não aceitar o fim do namoro.


DA REDAÇÃO

Uma adolescente de 17 anos, nome não revelado, subiu em uma torre de telefonia de 110 metros de altura, de onde ameaçava se jogar pelo fato do fim de seu relacionamento, porém, quando desistiu de cometer o suicídio e era resgatada pela PM, ela desmaiou no colo de um militar, ainda em cima da estrutura, dificultando o salvamento.

O caso aconteceu no final da noite da última sexta-feira (29) no município de Novo São Joaquim (485 km da Capital), região do Araguaia.

De acordo com a ocorrência, a PM recebeu denúncia que uma jovem teria escalado a torre e já estaria a cerca de 40 metros do chão, de onde ameaçava se jogar.

No local, os militares confirmaram a veracidade da denúncia e começaram a conversar com a garota, tentando tranquilizá-la, no entanto, ela se mostrava muito abalada emocionalmente e apenas falava do fim de seu namoro. 

De tal forma, os policiais entraram em contato com o rapaz, explicaram a situação e pediram para que ele falasse com ela pedindo para que não tirasse a própria vida e descesse da estrutura.

Então, o subtenente subiu à torre e levou o celular, quando o jovem pediu para que a menor descesse em segurança para que pudessem conversar. Nesse momento a adolescente desistiu do atentado e chorando pediu para que o militar a ajudasse e não a deixasse cair.

Porém, devido ao frio que fazia já durante a madrugada de sábado (30), a menor estava entrando em estado de hipotermia, com as pernas enrijecidas e com sangramento pelo nariz, de moto que não conseguia ajudar na descida. Em seguida, a vítima desmaiou no colo do subtenente, que tentava descer carregando a jovem.

Sem condições físicas de descer em segurança com a adolescente e também já com dores nas pernas, o militar pediu apoio ao soldado que acompanhava o resgate, que também escalou a estrutura, mas ainda sem jeito para descer os três em segurança, quando na verdade, estavam todos em risco de cair da estrutura.

O resgate só foi concluído após um popular, que estava no local, conseguir um cinto de segurança usado por eletricistas, que com o EPI o militar conseguiu prender a jovem e a descer lentamente, em segurança.

A adolescente foi encaminhada ao hospital, onde recebeu cuidados médicos devido à hipotermia e, em seguida, encaminhada para acompanhamento psicológico.

O subtenente relatou que um dos momentos mais difíceis foi que parte da população incentivava a garota a pular e acabar com a própria vida, dificultando o trabalho, deixando a garota ainda mais agitada em um trabalho que durou mais de três horas, onde a jovem e dois militares estavam arriscando suas vidas. 

“Tenho filhos até mesmo da idade desta moça e claro que me lembrei deles. Pedi força a Deus para aguentar o frio e as dores naquele momento, que por um instante pensei que nós iriamos cair os três, mas Deus é bom e nos protegeu nessa ação”, relatou emocionado o policial.

Veja o vídeo

Peça ajuda

O CVV (Centro de Valorização da Vida) tem realizado em Cuiabá, todas as quintas-feiras, reuniões com sobreviventes ao suicídio e seus familiares. Assim como parentes de pessoas que se mataram.

Também passaram a serem gratuitas as ligações feitas ao número 188. Canal de atendimento 24 horas

Mais de um milhão de atendimentos anuais são realizados por 2.000 voluntários pelo telefone 188, pessoalmente (nos 80 postos de atendimento) ou pelo www.cvv.org.br via chat, Skype e e-mail.

 











(2) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Silêncio  02.06.20 17h48
Silêncio, seu comentário foi vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas

Leonidas Costa  02.06.20 15h21
Fazendo essa palhaçada por causa de namorado??? Eu subia lá e empurrava essa safada.

Responder

2
4
Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO