19.02.2020 | 15h18


GERAL / SIMULOU SUICÍDIO

Jovem que deixou bilhete em abismo de Chapada queria assustar ex

No início da tarde desta terça, um bilhete com desculpas encontrado no Mirante de Chapada mobilizou o Corpo de Bombeiros e Polícia Militar, mas tudo não passou de um trote na ex


DA REDAÇÃO

Um bilhete com pedidos de desculpas mobilizou o corpo de bombeiros e polícia na tarde desta quarta-feira (19), em Chapada dos Guimarães (65 km de Cuiabá). Imaginando que o autor do recado, um jovem de 24 anos, teria caído do precipício do Mirante, as forças de seguranças foram acionadas. No entanto, para alegria de todos, o rapaz foi encontrado com vida. 

Conforme o tenente Campos Júnior, do Batalhão de Trânsito, a namorada da vítima terminou o relacionamento no dia anterior (18). 

Diante disso, ele escreveu o bilhete, foi até o local, posicionou o papel e tirou uma foto. Em seguida, ele enviou o registro para ex.  

Imagens de segurança mostraram o menino saindo do Mirante de bicicleta e não há gravação dele retornando ao local. Os policiais militares fizeram busca pela região e encontraram o rapaz 'esfriando a cabeça' em uma fazenda de Chapada.

Diversas equipes foram mobilizadas, e a ocorrência já foi encerrada.

Mais casos

Em 2020 já são vários casos de suicídio e tentativa em MT. Em VG a Polícia Militar salvou uma mulher que estava agonizando, pendurada por uma corda no pescoço, no bairro Residencial Paiaguás,. Os policiais então pularam o muro e cortaram a corda onde a vítima estava amarrada. A mulher ainda estava viva e recebeu os primeiros socorros no local, por equipe do Samu. No final de janeiro Uma mulher de 40 anos, nome não divulgado, se jogou da Ponte Sérgio Motta, que liga Cuiabá a Várzea Grande. Ela não morreu na queda e foi salva do afogamento por um pescador.

Este mês, um sargento do Batalhão de Operações Especiais (Bope) socorreu uma mulher que estava desesperada na ponte Júlio Muller, próximo da Orla do Porto, entre as cidades de Cuiabá e Várzea Grande. No último dia 10 um homem, nome e idade não divulgados, que pulou da Ponte Sérgio Motta, que tem 52 metros de altura e liga a Capital ao município de Várzea Grande, na Avenida Sebastião de Oliveira, foi salvo por um pescador que estava no local e conseguiu puxar a vítima para dentro da canoa. 

Peça ajuda

O Centro de Valorização a Vida (CVV) tem realizado em Cuiabá, todas às quintas-feiras, reuniões com sobreviventes ao suicídio e seus familiares. Assim como parentes de pessoas que se mataram.

Também passou a ser gratuita as ligações feitas ao número 188. Canal de atendimento 24 horas 

Mais de um milhão de atendimentos anuais são realizados por 2.000 voluntários pelo telefone 188, pessoalmente (nos 80 postos de atendimento) ou pelo www.cvv.org.br via chat, Skype e e-mail.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

Enquete

QUARENTENA

Você é a favor de parar tudo ou só isolar grupo de risco?

Sim, parar tudo é a melhor solução para conter o vírus

Não, parada total é suicídio econômico; será o caos pior que a doença

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO