13.03.2015 | 09h45


SAINDO DE FESTA

Jovem pergunta se pode morrer bêbada, bate o carro e morre



A combinação álcool e direção matou, na noite de quarta-feira (11), uma estudante de Direito no Rio Grande do Norte, que após passar a noite em um bar bateu o carro em um poste, e uma criança de dois anos na Bahia, que foi vítima de um motorista bêbado. 

Em Natal (RN), a noite terminou em tragédia para a estudante de Direito Najla Napy, de 21 anos.

Momentos antes de bater o carro, a jovem havia mandado uma mensagem para amigos com uma piada de mau gosto, na qual perguntou se “podia morrer bêbada”. Um amigo respondeu: “Morra não”.




Segundo a polícia, Najla estava voltando para casa por volta da meia-noite, quando perdeu o controle do carro e colidiu contra um poste. A estudante não usava cinto de segurança e morreu na hora. Uma amiga, que estava no banco do carona, sofreu várias fraturas, mas não corre risco de vida.

Em Feira de Santana (BA), um motorista de 62 anos invadiu a varanda de uma casa e atropelou duas meninas, de dois e 10 anos. A mais nova não resistiu e a outra criança está internada, mas não corre risco de vida. Ele foi preso em flagrante após o acidente











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Enquete

ABUSO DE AUTORIDADE

Você concorda com aprovação da Lei para punir juízes?

Concordo: MP e Juízes erram muito e prejudicam pessoas de bem

Não concordo. A aprovação da lei é que é um abuso

Bolsonaro deveria vetar a lei

Bolsonaro deve sancionar a lei

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER