04.02.2020 | 11h40


GERAL / VEJA DADOS

Inca estima que Mato Grosso pode ter 8,1 mil novos casos de câncer este ano

Os dados apontam que o câncer de pele não melanoma será o mais incidente, com mais de 3 mil notificações no Estado.


DA REDAÇÃO

Dados divulgados há pouco pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca) apontam que em Mato Grosso, para cada ano do triênio 2020-2022, ocorrerão mais de 8,1 mil casos novos de câncer. No Brasil, este número chegará a 625 mil.

As novas estimativas são divulgadas em alusão ao Dia Mundial de Combate ao Câncer, comemorado hoje (04). A data foi instituída em 2008 pela União Internacional Contra o Câncer (UICC), para aumentar a conscientização sobre a doença e estimular a preservação.

O câncer de pele não melanoma será o mais incidente, com mais de 3 mil notificações no Estado. Entre os homens mato-grossenses, o Inca estima 1.550 casos, uma taxa de incidência de 87,76 casos para cada grupo de 100 mil habitantes. Entre as mulheres, serão 1.510 casos, com taxa de incidência de 89,36 casos para cada 100 mil/hab.

Os tipos de câncer mais frequentes em homens, à exceção do câncer de pele não melanoma, serão o de próstata e o de traqueia, brônquio e pulmão. No primeiro caso, são estimados 1.030 novos casos, ou 58,19 para cada 100 mil/hab. O segundo tipo com maior incidência terá 210 casos, ou 12,13 para 100 mil/hab.

Na Capital, a taxa de incidência é ainda maior. São previstos 61,67 novos casos de câncer de próstata a cada 100 mil/hab e 12,40 para o mesmo grupo de câncer de traqueia, brônquio e pulmão.

Já entre as mulheres, o câncer de mama continua liderando, com exceção ao de pele não melanoma. Estão previstos 560 novos casos para Mato Grosso, sendo 160 em Cuiabá. A taxa de incidência é de 33,04 para cada 100 mil/hab no Estado e 50,93 na Capital. 

O segundo tipo que mais atingirá as mulheres mato-grossenses é o câncer de colo de útero, sendo 200 novos casos no Estado e 70 na Capital. As taxas de incidência são 12,06 e 20,93 para cada 100 mil/hab, respectivamente.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO