18.11.2019 | 09h47


CASAMENTO MILITAR

Capitã da PM dispensa vestido de noiva e usa farda com véu em Cuiabá; Veja fotos

A militar Raissa Helena casou-se com o diretor financeiro Matheus Borges, na última quinta-feira (14).


DA REDAÇÃO

A capitã da Polícia Militar (PM) Raissa Helena, de 30 anos, realizou o seu sonho e homenageou a instituição, na última quinta-feira (14), ao se casar de farda, véu e grinalda. O que chamou atenção na atitude da capitã foi à quebra de paradigmas, já que não é comum ver mulheres trocando o vestido pelo uniforme militar.

Ao , ela explicou que quis unir as coisas que acredita nessa cerimônia.

“No meu casamento eu quis que as pessoas entendessem aquilo que é importante para mim”, disse a policial.  

“Sou muito apaixonada pela minha profissão... Não sonhava em ser policial militar, no entanto, me descobri”, continua.

Gabriel Bandeira

noiva.jpg

Raíssa Helena realizou seu sonho ao casar de farda.

Em suas redes sociais, ela descreveu a celebração como emocionante.

“Extasiada com cada momento desse dia”, escreveu Raissa.

“O casamento é uma instituição que estou formando baseada em crenças e princípios que tenho como verdadeiros e que são essenciais para minha vida. A igreja, Deus, o amor pela minha profissão e agora o amor pela minha família”, ressalta Raissa.

A capitã contou que teve todo apoio do noivo, agora marido, o diretor financeiro Matheus Borges, para que se casasse fardada.

Além disso, a militar explicou que seu casamento foi divido em duas partes: A primeira foi à cerimônia religiosa e civil, com amigos e familiares, em que ela se casou de farda, em Cuiabá. Já a segunda, foi fora do país.

Em um momento intimista, na gruta Cenotes y Cabañas Suytun, no México, cercados por água límpida o casal fez os seus votos mais uma vez. Dessa vez, a capitã estava com um vestido de noiva.

 

Galeria de Fotos:
Crédito:
Crédito:
Crédito:
Crédito:
Crédito:
Crédito:
Crédito:
Crédito:
Crédito:










(3) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

JÃO DO PORTO  18.11.19 15h42
Parabéns.....

Responder

7
4
Eder souza  18.11.19 10h38
Ok beleza casou! Mas esse vestido está totalmente fora do regulamento de uniformes da pm! Se fosse uma praça que tivesse feito isso a corregedoria já teria aberto um procedimento sobre isso! Mas como é oficial pode prostituir o regulamento de uniformes!

Responder

55
36
Mano Véio   18.11.19 13h18
Pensei isto também.. Entretanto a quebra de paradigmas na atualidade é evidente. E se mostra cada vez mais, justamente com estas atitudes e a ausência de sanções respectivamente. No mais a grande massa se resta desolada com o "desperdício".

Responder

17
4
jair monteiro  18.11.19 10h32
Mas pode se casar de véu e com farda?? Pra mim se pareceu com fantasia, deboche com a PM

Responder

29
37
Anônimo  18.11.19 11h53
Olha isso é uma escolha dela, ela usa oq quiser é o casamento dela, quando for no seu vc usa oq vc quiser tá bom queridinha.

Responder

40
19
Anônimo 2  19.11.19 19h30
Discordo ela como todo militar deve obrigatoriamente seguir o regulamento... Aquilo não é uma farda foicível da PM. Deveria ser punida!

Responder

2
1

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO