21.05.2020 | 14h51


GERAL / SAÚDE DEBILITADA

Bebê indígena que morreu com covid-19 estava desnutrido e desidratado

Criança recebeu atendimento devido aos problemas de saúde, no dia 8 de maio apresentou os primeiros sintomas respiratórios e no dia 11 faleceu



O bebê indígena, de 8 meses, que morreu no dia 11 deste mês infectado pela covid-19 estava desnutrido e com desidratação moderada. A informação é do Ministério da Saúde, por meio do Distrito Sanitário Especial Indígena Xavante.

A criança, que era da Terra Indígena Maraiwatsede, localizada no município de Alto Boa Vista (1059 km de Cuiabá), era atendida pela Equipe Multidisciplinar de Saúde Indígena (EMSI) e, no dia 8 de maio, apresentou sintomas respiratórios. No dia 10 de maio, ela foi encaminhada para uma unidade de saúde do município de Bom Jesus do Araguaia, em 10 de maio.

Como o quadro clínico se agravou, o bebê foi transferido para o Hospital Regional Paulo Alemão, em Água Boa. Após internação, foram identificados sinais de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e exame pelo método RT- PCR, realizado no Laboratório Central de Saúde Pública de Mato Grosso (LACEN), em Cuiabá, atestou positivo para a covid-19.

O bebê morreu no dia 11, mas o resultado só saiu no dia 18.

A Secretaria Especial de Saúde Indígena (Sesai) afirma que recebeu a declaração de óbito retificada, nesta quinta-feira, que consta entre as causas do óbito a covid-19.

DSEI Xavante, que já havia sido notificado da suspeita de infecção do bebê pelo novo coronavírus, afirma que está fazendo a investigação epidemiológica para identificação da fonte de infecção e adotando todas as medidas de orientação, conscientização e busca ativa, necessárias ao combate à covid-19.

Leia mais

Coronavírus mata bebê de apenas oito meses em Mato Grosso

MPF apura se evento esportivo foi foco de transmissão do coronavírus entre indígenas de MT











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

Enquete

REMÉDIO POLÊMICO

Você tomaria hidroxicloroquina caso contraísse Covid-19?

Sim. O remédio está no mercado há 70 anos

Não. O remédio não tem comprovação de pesquisa para Covid

Não. Cloroquina é o remédio do Bolsonaro

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO