13.09.2014 | 16h16


APÓS BLECAUTE

Após blecaute, MT-Hemocentro coleta 248 bolsas de sangue e completa estoque

A reposição foi motivada pelo blecaute que atingiu o MT-Hemocentro no dia 03 de setembro e deixou o órgão no escuro durante a madrugada



O estoque de sangue do MT-Hemocentro foi normalizado com a doação de 248 bolsas nesta semana, que produziram ainda 90 bolsas de plaquetas. A reposição foi motivada pelo blecaute que atingiu o MT-Hemocentro no dia 03 de setembro e deixou o órgão no escuro durante a madrugada, o gerador de energia que deveria ser ativado após a queda, sofreu um curto circuito e não manteve os equipamentos do local ligado.     

A diretora do MT Hemocentro, Eliana Rabene, disse que foram feitas análises laboratoriais nas bolsas de sangue e os exames comprovaram que não houve perdas de bolsa de sangue. Já quanto as plaquetas a produção foi descartada por necessitar de temperatura adequada na sua conservação.

“O MT-Hemocentro é uma importante instituição do SUS (Sistema Único de Saúde) e presta grandes serviços à população, e deve ser respeitada. São inúmeros serviços que prestamos aos usuários do SUS, e temos a solidariedade da população na doação de sangue, colocando Mato Grosso como um dos estados que têm o maior número de doadores fidelizados, ou seja, aqueles que doam sangue com frequência. As doações nos ajuda a manter um estoque permanente para atender a demanda diária do SUS em todo o estado”, defenderam ela.

Eliana relata ainda que o problema da falta de energia do órgão foi solucionado no mesmo dia, com conserto do gerador e demais reparos que foram necessários. “O órgão tem a atenção da gestão. O prédio onde o MT-Hemocentro está instalado é antigo e problemas surgem como em qualquer casa e vão sendo solucionados, o que não vamos permitir é denegrirem a imagem da instituição”, disse.

O MT-Hemocentro tem a responsabilidade de coordenar a política de sangue em todo o estado de Mato Grosso e atender a demanda de todas as unidades de Saúde da Rede do Sistema Único de Saúde, na capital e no interior, missão que vem sendo desenvolvida,  lembrando que o "o órgão está apto a atender uma demanda superior a 60 doadores/dia".

 “A doação de sangue deve ser feita sempre que possível para que o MT-Hemocentro possa manter os estoques disponíveis. Doar sangue, além de ser um ato de amor e de solidariedade ao próximo, salva vidas. Agradeço imensamente aos doadores do nosso estado, que cumprem essa missão de solidariedade e sempre estão juntos, conosco. Não me canso de agradecer”, finalizou.

A Unidade do MT Hemocentro que fica na Rua 13 de junho, 1.055, bairro Porto, em Cuiabá, e funciona de segunda a sexta-feira, das 7h às 17h30 e aos sábados, das 7h às 12h.

CONDIÇÕES BÁSICAS PARA DOAR SANGUE: 

Sentir-se bem e com saúde, ter idade entre 16 e 69 anos (a legislação foi alterada e, desde 13/06/2011, menores de 16 e 17 anos podem doar na sede, se estiverem acompanhados pelos pais e autorizados pelos mesmos), peso igual ou superior a 51 kg, estar bem alimentado, evitando alimentos gordurosos quatro horas antes da doação, ter dormido bem na noite anterior (6h de sono), ter em mãos um documento oficial com foto.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER