14.07.2020 | 17h44


GERAL / VEJA VÍDEO

Amigos balançam bandeiras brancas em despedida à garota baleada no Alphaville

Isabeli Guimarães, de 14 anos, que morreu após levar um tiro no condomínio Alphaville, na Capital, disparado acidentalmente pela melhor amiga.


DA REDACÃO

Amigos e familiares da adolescente Isabeli Guimarães, de 14 anos, que morreu após levar um tiro no condomínio Alphaville, na Capital, prestaram uma homenagem para a garota, na manhã desta terça-feira (14), durante seu cortejo fúnebre. O grupo balançou lençóis brancos para os carros do cortejo, em um trecho da Avenida Fernando Corrêa. (veja vídeo abaixo)

Isabeli teve um breve e discreto funeral, para poucas pessoas. Seu corpo foi sepultado nesta terça-feira no Cemitério Parque Bom Jesus de Cuiabá, localizado na Avenida Palmiro Paes de Barros, no bairro Parque Cuiabá.

A adolescente morreu na noite de domingo (12), após sua melhor amiga, B.O.C, também de 14 anos, disparar acidentalmente uma arma de fogo.

A arma pertence ao pai da adolescente, o empresário Marcelo Cestari, o qual pratica tiro esportivo, juntamente com sua filha B. 

O caso 

A Polícia foi acionada por volta das 22h30, no domingo (12), para atender a ocorrência. No local, os policias encontraram o corpo de Isabeli sem vida, em um banheiro do segundo andar da casa dos Cestari.

Na casa, foram apreendidas sete armas, duas delas sem registro. O pai da adolescente foi preso em flagrante por posse ilegal, mas foi solto no mesmo dia após pagar fiança. 

Segundo o advogado da família, o caso foi um acidente. A vítima estava em um banheiro do andar de cima e amiga no térreo com os pais, quando o empresário pediu que ela guardasse um case no andar superior.   

“Ela foi guardar a arma, que estava no case, e assim que subiu foi chamar a amiga, que estava no banheiro. Neste momento que ela entrou, entre o banheiro e o closet, a maleta caiu, abriu e a arma ficou para fora do case. Ela se abaixou, pegou a arma e, quando tentava colocá-la de volta, ela disparou. Essa é a única verdade que existe”, disse o advogado.

Veja vídeo da homenagem:











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO