26.03.2020 | 09h50


GERAL / TRATADO COM CLOROQUINA

1° paciente com Covid-19 de MT vai passar por novos exames para avaliar manchas no pulmão

Cuiabano é tratado com medicamento para malária e não apresenta mais sintomas como febre, falta de ar ou tosse


DA REDAÇÃO

O Hospital Santa Rosa informou na manhã desta quinta-feira (26) que o quadro clínico do diretor de uma empresa de bebidas da Capital, de 48 anos de idade, segue estável. O paciente, segundo a unidade de saúde, não apresenta sintomas como febre, falta de ar ou tosse.

No entanto, o cuiabano segue realizando o uso correto de toda medicação prescrita e se encontra isolado em acompanhamento médico domiciliar. Ele deve retornar ao hospital no fim de semana para novos exames.

“Hospital Santa Rosa comunica ainda que realizou consultas e o teste PCR em tempo real nas pessoas próximas ao paciente [esposa, filhos e colaboradores que atuam em sua residência] e que nada foi constatado. Todos atestaram negativo para Covid-19”, diz trecho do comunicado.

Internações

O paciente foi internado no dia 16 de março com sintomas semelhantes aos da Covid-19, cuja infecção viral foi confirmada oficialmente pela Secretaria Estadual de Saúde no dia 19 de março. O caso foi registrado dias depois de homem retornar de uma viagem que tinha feito a Londres, Inglaterra.

No último dia 19 ele teve alta médica por não ter sintomas. Porém, no domingo (22) o paciente teve febre e retornou à unidade de saúde onde foi detectado por tomografia que o paciente possuía manchas no pulmão. Precisou ser internado novamente. Na terça-feira (24) o cuiabano recebeu alta.

Ele continua sendo tratado com medicamento para malária, (cloroquina com azitromicina). Segundo os estudos divulgados a cloroquina alteraria o Ph de vesículas que estão no interior das células. Isso prejudica a produção de partículas que um vírus precisa para se multiplicar. Assim, ele acaba não se reproduzindo e a infecção é controlada. Já a azitromicina, mataria o vírus.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

Enquete

QUARENTENA

Você é a favor de parar tudo ou só isolar grupo de risco?

Sim, parar tudo é a melhor solução para conter o vírus

Não, parada total é suicídio econômico; será o caos pior que a doença

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO