16.07.2020 | 09h40


ESQUENTANDO / TRABALHO DE PREGUIÇOSO

Decreto é feito na base da cópia e prevê produção de petróleo em Chapada; veja

Será que alguém leu antes de assinar? Acho que não, né dona Thelma !


DA REDACÃO

Parece piada, mas é verdade. O decreto da Prefeitura de Chapada dos Guimarães sobre a quarentena obrigatória tem umas previsões e abrangências bem loucas. Aparentemente, a cidade se tornou desbravadora do petróleo, ganhou um mar, uma Marinha e precisa controle náutico. O control c + control v foi tão grande na hora de escrever o documento, que se esqueceram de apagar as partes que não condizem com a cidade. 

Eita trabalho de preguiçoso !

Agora a senhora prefeita, Thelma de Oliveira passou um carão aqui. Assinou, mandou publicar e não viu essa presepada toda ?!

A prefeita autorizou a produção de petróleo nos finais de semana, o controle de tráfico aéreo, terrestre e náutico. Chapada deu um belo upgrade em 15 dias fechada, será?

É rir para não chorar, beijos de luz !

 

Veja o decreto:

RepórterMT/Reprodução

decreto chapada

É ver para crer.

 











(5) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Benedito costa  17.07.20 08h01
Chapada precisa sim é controlar seu crescimento populacional, limitar seu crescimento da área urbana. A cidade é turística e ambiental e do jeito que cresce desordenadamente vai chegar uma época em que até o frio vai embora por conta das aberturas de novas áreas e condomínios. Outra ideia pra limitar esse crescimento é taxar o iptu progressivo na cidade.

Responder

2
0
Márcio Thadeu   16.07.20 19h12
Até aí tudo bem, não é difícil entender qdo as “coisas” é feita às pressas, qdo elabora um decreto não precisa copiar tudo, o Decreto num. 4894 de 12/07/2020 da prefeitura de Lucas sido Rio Verde é exemplo

Responder

0
0
Luiz  16.07.20 12h52
Luiz, seu comentário foi vetado por conter expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas

Adriana Isabel Fritsch   16.07.20 12h42
Acabei de descobrir que aqui na minha propriedade tem poço de petróleo😱😱😱 mudarei de pousadeira para petroleira hahahaha. Quanta incompetência desta prefeitura🤮🤮🤮vergonha alheia!!!

Responder

7
0
Renato orro - procurador de chapada  16.07.20 12h30
Sim, ao tratar das atividades essenciais que podem funcionar nos replicamos exatamente o que prevê o Decreto Federal n. 10282/2020 sem qualquer alteração, até mesmo porque esse decreto federal é solicitamente citado no Decreto Estadual n. 522/2020. Para quem é bom entendedor, sabendo que aqui em Chapada dos Guimarães não tem produção de petróleo, quem comercializa combustível, ou seja, postos de combustíveis podem funcionar.

Responder

8
3

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO