26.02.2020 | 07h55


ESPORTES / CONDIÇÃO FÍSICA

'Pior que minha vó', diz diretor de clube alemão sobre Firmino

Dirigente do Hoffenheim afirmou que condição física do atual jogador do Liverpool não era das melhores



Roberto Firmino é, hoje, peça-chave no esquema do Liverpool, talvez o time mais forte do momento no mundo. Porém, nem sempre foi assim.

Revelado pelo Figueirense, Firmino chegou à Europa em 2011, aos 19 anos, para atuar no Hoffenheim da Alemanha por 4 milhões de euros (R$ 19 milhões). Ernst Tanner, ex-diretor da equipe, não se impressionou com o que viu.

“Você devia ver os dados que tivemos dele quando ele chegou no Hoffenheim pela primeira vez. Na Alemanha, geralmente fazemos testes de resistência, de sangue, que são bem confiáveis. E ele tinha os piores números que já vi no futebol profissional. Para enfatizar, eu diria que ele estava pior que a minha avó. Os números eram tão ruins que você não acreditaria que ele havia sido capaz de jogar futebol profissional”, disse

Pelo clube alemão, Firmino disputou 153 jogos. Marcou 49 gols e deu 36 passes para tentos de seus companheiros. Foi vendido em 2015 para o Liverpool por 41 milhões de euros (cerca de R$ 190 milhões).











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

Enquete

QUARENTENA

Você é a favor de parar tudo ou só isolar grupo de risco?

Sim, parar tudo é a melhor solução para conter o vírus

Não, parada total é suicídio econômico; será o caos pior que a doença

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO