02.03.2014 | 20h31


ESPORTES / AVENIDA MATO GROSSO

Cabo de guincho arrebenta, ônibus desce ladeira e invade casa; veja fotos

Ônibus, por pouco, não provoca tragédia no Centro de Cuiabá; normalmente os ônibus sobem a Marechal Deodoro, mas como a SMTU fechou a passagem, o motorista foi obrigado a subir a ladeira da Azélia M. de Melo



Um ônibus da empresa Verde Transportes, placa NBT 1899,  por muito pouco, não provoca uma tragédia na Avenida Mato Grosso, na noite deste domingo (02), no Centro de Cuiabá. O veículo, que é alto, vinha pela Avenida quando tentou subir a ladeira da Azelia Mamoré de Melo, na altura da Praça da Mandioca, onde ocorre carnaval popular. Como se trata de uma rampa íngrime, a traseira do ônibus acabou ficando 'enroscada' no asfalto da via. 

De acordo com informações de testemunhas, o ônibus deveria entrar na Avenida Marechal Deodoro, que seria o itinerário comum, para chegar à Rodoviária de Cuiabá, mas em virtude do desfile de carnaval que será realizado na Avenida Mato Grosso, o motorista foi 'obrigado' a entrar duas ruas antes à direita. Por ser alto, o ônibus acabou também arrebentando fios telefônicos.

Para retirar o ônibus do local, o motorista pediu para que os passageiros saíssem. Um guincho foi chamado, mas quando puxava o veículo na subida, o cabo de aço arrebentou e o ônibus desceu de ré, desgovernado e atravessou Avenida Mato Grosso. "Ele quase atingiu um Celta que subia a MT, por sorte o motorista do carro conseguiu desviar e evitar o pior", disse uma das testemunhas.

O enorme veículo  só parou quando atravessou as grades de uma casa e invadiu a garagem, danificando dois carros. A família havia acabado de chegar de viagem. A dona da casa, chorando muito e nervosa, não quis comentar o assunto.

O impacto foi tão forte, que o Prisma preto, com placas de Tangará da Serra, invadiu parte da sala da residência. Os dois veículos ficaram bastante danificados. Por causa do transtorno, a Polícia Militar foi acionada para controlar a situação do trânsito.

O ônibus ficou na descida da avenida, que foi fechada, até que fosse realizada a perícia. A empresa se comprometeu a pagar pelos danos. O carro já foi retirado do local e o trânsito liberado. 

Galeria de Fotos:
Crédito: RepórterMT
Crédito: RepórterMT
Crédito: RepórterMT
Crédito: RepórterMT
Crédito: RepórterMT
Crédito: RepórterMT
Crédito: RepórterMT
Crédito: RepórterMT
Crédito: RepórterMT










(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Leonardo  06.03.14 09h43
O carro que o ônibus quase atingiu não era um Celta, era um Palio, o meu Palio. Eu nem acreditei que consegui desviar desse ônibus. Quando fiz a manobra foi pensando em afastar ao máximo a batida para a traseira do carro, para não pegar a lateral em cheio. Mas graças a Deus, Ele me livrou desse quase acidente.

Responder

0
0

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO