14.07.2019 | 19h00


FARRA DOS INCENTIVOS

Deputado aponta que MT torrou 25% do orçamento com isenções e vê reforma necessária

João Batista afirmou ainda que apesar da polêmica, o projeto será aprovado pelo deputados estaduais.


DA REDAÇÃO

O deputado estadual João Batista (Pros) revelou, em entrevista ao , que dados mostram que o Governo de Mato Grosso já concedeu até o momento, R$ 5,3 bilhões em isenção fiscal, o valor representa 25% do orçamento do Estado e, por isso, avalia a reforma proposta pelo governador Mauro Mendes (DEM) como necessária. 

No entanto, o parlamentar argumenta que o problema da proposta, que corta benefícios fiscais, foi inserir a chamada minirreforma tributária.

“O grande problema do Governo foi colocar no meio do projeto, que seria as validações de inserções fiscais, a minirreforma tributária. Porque aí você pega serviço, indústria e comércio, ou seja, uma reorganização no ICMS dos setores. Pegar tudo isso e colocar no meio de um projeto que seria exclusivamente para revalidação dos incentivos”, declarou.

“Hoje temos R$ 5,3 bilhões de isenção fiscal em Mato Grosso e isso dá mais 25% do orçamento do Estado. A reforma é necessária”, continuou.

Durante a conversa, João Batista falou sobre a greve dos profissionais da Educação que já dura mais de 45 dias. O deputado, que é presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que apura o rombo nas contas Previdência Mato Grosso (MTPrev), também deu detalhes sobre as apurações administrativas que podem levar investigados para a cadeia.

Veja vídeo:











(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

ana  14.07.19 20h27
isenção é beneficio pra uns em detrimento de outros

Responder

3
0

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER