21.09.2019 | 17h20


PONTA DO ICEBERG

UOL: Saída de Selma expõe fissuras e PSL pode perder Bolsonaro



Uma reportagem publicada no Uol, neste sábado (21), destacou que a saída da senadora Selma Arruda do PSL expõe uma fissura do partido que corre o risco de perder outras lideranças, como o presidente Jair Bolsonaro.

Selma saiu do partido após desentendimento com o senador Flávio Bolsonaro, filho do presidente, devido a sua assinatura ao pedido de abertura da CPI da Lava Toga, a qual ele pressionava para que a senadora retirasse.

A matéria destaca sobre o discurso adotado pela senadora durante assinatura de filiação ao Podemos. Durante coletiva, Selma criticou a velha política e os clãs no cenário político.

O Uol ainda cita a ‘briga’ do senador Major Olímpio enfrenta para manter seu apoio à CPI da Lava Toga e comenta a possibilidade do partido o perder para Podemos, após o ‘até breve’ dado a Selma ao seu colega de Senado.

Por fim, a reportagem fala sobre os rumores da possível saída do presidente Jair Bolsonaro do PSL.

Leia a matéria aqui.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER