22.07.2010 | 18h49


DIRETO AO PONTO

Tapa na cara; governador de MS agride eleitor

Governador de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (PMDB), candidato à reeleição, deu um tapa de mão aberta no rosto do eleitor Rodrigo de Campo Roque, 23, montador de acessórios para automóveis. A agressão aconteceu no bairro Aerorancho II, na periferia de Campo Grande, onde Puccinelli e comitiva estavam realizando passeata. Rodeado por moradores do local, começou a conversar com as pessoas, falando sobre as obras públicas realizadas em seu governo.

Segundo o blog Radar Político, ao dirigir a palavra para o rapaz, Pucinneli perguntou-lhe; “Você lê jornais? Você notou quanto que esse governador já fez por Campo Grande e pode fazer muito mais?”. A resposta foi fulminante: “Li também que o senhor é ladrão”. Daí veio o tapa, assistido por pelo menos 50 pessoas. Rodrigo foi imediatamente dominado pelos seguranças e colocado em uma viatura policial, por volta de 19h de ontem (21). Levado para o Cepol (Centro Integrado de Polícia Especializada), onde teve que assinar declaração de que “cometeu injúria real contra o governador”, e só foi liberado as 2h da madrugada de hoje. Se a moda pega, vai ter eleitor apanhando dia e noite, nessa campanha eleitoral.











(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Carlos  21.10.12 20h10
E por isso e por outras que devemos Votar em Alcides Bernal...chega desses covardes...

Responder

0
0

TV REPÓRTER

Enquete

REMÉDIO POLÊMICO

Você tomaria hidroxicloroquina caso contraísse Covid-19?

Sim. O remédio está no mercado há 70 anos

Não. O remédio não tem comprovação de pesquisa para Covid

Não. Cloroquina é o remédio do Bolsonaro

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO