23.08.2019 | 14h15


AGRICULTURA FAMILIAR

Secretário suspeita de irregularidades e manda investigar contratos e convênios



O secretário de Estado de Agricultura Familiar Silvano Amaral assinou uma portaria que instaurou uma comissão permanente de tomada de contas especial para apurar possíveis irregularidades na execução de contratos, convênios e processos administrativos da pasta.

A portaria foi publicada no Diário Oficial do Estado que circulou nesta sexta-feira (23). Ela será composta por três servidores da secretaria que terão 120 dias para concluir os trabalhos.

“A comissão deverá observar os princípios do contraditório e da ampla defesa e os demais princípios e normas que regem o processo administrativo”, diz trecho da publicação.

Os relatórios da equipe serão remetidos para Controladoria Geral do Estado (CGE) que expedirá relatório conclusivo, para depois remeter a análise e julgamento do Tribunal de Contas do Estado (TCE).

Na portaria não cita quais contratos e convênios e nem que tipo de irregularidade será investigado.

Veja a portaria.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER