25.06.2020 | 12h10


DIRETO AO PONTO / KIT COVID

Secretário: Não posso pegar sacolinha, entregar para população e falar toma; isso dá cadeia



O secretário de Saúde de Cuiabá, Luiz Antônio Possas de Carvalho, em live nesta quinta (25), no Conexão Poder, disse ser a favor de que os medicamentos como hidroxicloroquina, ivermectina e azitromicina, que fazem parte do chamado kit covid sejam usados em pacientes de covid-19 já nos primeiros sintomas da doença. Possas, porém, enfatiza que essa decisão cabe aos médicos. Ele disse que há tais medicamentos na rede municipal e que já há novas compras sendo feitas. "Se o médico receitar nos temos para dar", disse.

O secretário é cauteloso, por outro lado. "Eu não posso pegar kit sacolinha, entregar para a população e falar usa. Isso é loucura, vai dar prisão, cadeia, sequela e processo lá na frente. Mas a partir de que o médico determinar se vai usar ivermectina ou cloroquina, nós temos na rede pro paciente que quiser usar", disse. Questionado se usaria, caso fosse contaminado pela covid, o chamado 'remédio do Bolsonaro', Possas não titubeou. "Na hora, tomaria na hora, mas eu não tenho problema cardiovascular, meu coração está em dia", disse, lembrando que a hidroxicloroquina não é indicada para cardíacos. 

Veja a entrevista na íntegra no link abaixo:

 

https://www.facebook.com/watch/live/?v=589645994861947&ref=watch_permalink











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO