20.09.2010 | 10h49


DIRETO AO PONTO

Sachetti diz que Silval deve esclarecer escândalo dos maquinários

O ex-vice-presidente do PR, Moisés Sachetti, atual coordenador de campanha no interior do candidato ao governo Mauro Mendes (PSB), avalia que a primeira “missão” do governador Silval Barbosa (PMDB) à frente do Executivo deveria ter sido esclarecer o superfaturamento de R$ 44 milhões dos maquinários o que, segundo ele, o peemedebista não fez.

“Trata-se de um rombo que precisa ser investigado e que era a primeira missão do peemedebista no comando do governo. Mas, isso não feito”, declarou Sachett.

O ex-republicano critica a postura de Silval e garante que existe falta de transparência nas investigações que apura o sobrepreço na aquisição de 705 máquinas e caminhões do programa “MT 100% Equipado” pelo governo.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO