alexametrics
08.07.2020 | 21h45


DIRETO AO PONTO / GRUPO DE RISCO

Prefeito explica por que proibiu servidores públicos de deixarem cidade em MT



Ao , o prefeito de Sapezal Valcir Casagrande (PSL) disse que o decreto n° 71/2020, que proíbe o servidor do município de deixar a cidade e os que estão em home office ou em isolamento social de saírem de suas casas durante a pandemia do coronavírus, só vale para os funcionários que pertence ao grupo de risco ou que apresentar sintomas da doença.

Ele comentou que as regras adotadas na cidade atendem a uma decisão judicial que pede medidas mais duras de isolamento para controlar o contágio do vírus. No entanto, ele ressaltou que o isolamento social é a única medida para controlar o contágio do coronavírus, por isso, recomenda a adoção a todos os munícipes.

Segundo o boletim da Secretaria de Estado de Saúde (SES) divulgado na noite desta quarta-feira (08), Sapezal conta com 282 casos confirmados da Covid-19, sendo três mortes. O município configura na classificação do Estado com o risco "muito alto" para o novo coronavírus, por isso, devem ser adotadas medidas restritivas para o controle da propagação do vírus.

Leia mais

Servidores estão proibidos de sair da cidade; quem está em home office não pode nem sair de casa











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

Matéria(s) relacionada(s):

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO

Bebe Prime