03.07.2020 | 16h21


DIRETO AO PONTO / SEM AGLOMERAÇÃO

Prefeito baixa decreto com multa de até R$ 20 mil para quem fizer festa em casa



Prefeito de Barão de Melgaço, Adriano de Souza Arruda, se assustou com a primeira morte de covid-19 de morador do município. O pasto Janio Correa morreu nesta quinta-feira.

De forma imediata, o prefeito baixou um decreto com medidas que vão fazer muita gente reclamar. Quem não mora em Barão, não entra na cidade. Os moradores, se saírem e forem para um município com alto risco de disseminação da covid, terão que fazer quarentena. Hotéis e pousadas não pode receber turistas, ou seja, vão fechar.

E os festeiros de plantão que se cuidam. Nada de churrasquinho no fim de semana. O prefeito determinou que o proprietário do imóvel onde esteja sendo realizado festas, confraternizações ou eventos congêneres, com aglomeração de pessoas, receberá uma multa que vai varias de R$ 10 mil a R$ 20 mil.











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO