02.06.2020 | 13h25


DIRETO AO PONTO / SEGURANÇA NACIONAL

Medeiros denuncia youtuber, deputados e líder do MST e diz que são 'baderneiros'



O deputado federal por Mato Grosso, José Medeiros, que havia anunciado que denunciaria o youtuber Felipe Neto na Procuradoria Geral da República, afirmou que já encaminhou o ofício, mas nele acrescentou outros nomes, sendo o do líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto, Guilherme Boulos, e dos deputados Glauber Braga (PSOL) e Sâmia Bomfim (PSOL). Aliado e grande defensor do presidente Jair Bolsonaro, Medeiros afirma que os quatro estão querendo instaurar uma “baderna generalizada no Brasil”.

 

Também representaram contra Glauber e Sâmia na PGR o deputado Carlos Bolsonaro (PSL). Na lista dele entrou o deputado Alexandre Frota (PSDB).

O pedido de Bolsonaro é para sejam investigados seus “envolvimentos com atos criminosos com grupo Antifa”.

“Vale lembra (sic) que os EUA consideram esse grupo terrorista”, escreveu o deputado, que mora no Brasil.

Veja as postagens do deputado José Medeiros:

“Ofício pronto e encaminhado para as devidas providências... Nas redes sociais e nas ruas, são diversos os elementos que demonstram a afronta dos quatro à LEI DE SEGURANÇA NACIONAL. Essa gente não vai montar em uma FAKE NEWS e instaurar uma baderna generalizada no Brasil. NÃO MESMO!!!”

----

"Que fique claro: não são manifestantes, são VÂNDALOS... BADERNEIROS... TERRORISTAS DOMÉSTICOS...."











(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

ROSINO BOMFIM  02.06.20 16h50
Esse povo do PT só vivem envolvidos com MST.SEM TETO, CUT, SINDICATO PRA LÁ SINDICATO PRA CÁ...TRABALHAR MESMO NADA !!

Responder

0
0

TV REPÓRTER

INFORME PUBLICITÁRIO