22.08.2019 | 14h00


PAÍS EM CHAMAS

Mauro: Fui eleito para cuidar de MT não para julgar o Bolsonaro



Ao lado do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, o governador Mauro Mendes (DEM) disse que não cabe a ele avaliar a gestão do presidente Jair Bolsonaro (PSL) referente ao desmatamento no Brasil. Bolsonaro tem respondido, de forma firme, às críticas internacionais de que seu Governo não tem priorizado a proteção do Meio Ambiente. Noruega e Alemanha anunciaram a suspensão de repasses para o Fundo Amazônia, usado para investir no combate ao desmatamento ilegal.

“Eu não fui eleito para ficar julgando nosso presidente. Como cidadão eu tenho o direito de fazê-lo, e como governador eu tenho o dever de trabalhar para ter uma boa relação institucional com todos”, disparou Mendes. O gestor ainda colocou: “Jair foi eleito para cuidar do Brasil. Eu fui eleito para cuidar de Mato Grosso”.

Declarações foram dadas no Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) na presença de Ricardo Salles, que veio a Mato Grosso para conhecer a primeira base de proteção da Amazônia, implantada pelo Corpo de Bombeiros Militar (CBM).











COMENTÁRIOS

Preencha o formulário e seja o primeiro a comentar esta notícia

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER