04.06.2019 | 11h10


LAVAGEM DE DINHEIRO

Juiz marca depoimentos de Eder Moraes e dono da construtora São Benedito



A Justiça Federal marcou para o dia 25 de julho os depoimentos do ex-secretário de Fazenda Eder Moraes e do empresário Marcelo Benedito Malouf, sócio da construtora São Benedito, no âmbito da Operação Ararath.

As oitivas ocorrerão na Quinta Vara Federal de Mato Grosso e foram definidas pelo juiz titular do caso, Jeferson Schneider.

Nesta ação, o ex-secretário e o empresário são acusados de crimes de lavagem de dinheiro e ocultação de bens, em esquema de aquisição de imóveis em nomes de laranjas. O dinheiro, como sempre, era desviado dos cofres do Estado. O caso tramita em segredo de Justiça.

Até o momento, Eder já foi condenado a mais de 100 anos de cadeia por saquear os cofres quando era secretário, mas recorre das sentenças em liberdade. Já Marcelo Malouf chegou a ser a conduzido coercitivamente, em 2016, para prestar depoimento à Polícia Federal.











(1) COMENTÁRIOS

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Repórter MT. Clique aqui para denunciar um comentário.

ze da silva  05.06.19 04h20
O din din circula no nosso Brasil, em malas correndo em aeroportos, em apartamentos a beiramar cheios também é quiçá em cuecas. Agora o sujeito rouba descaradamente os cofres públicos e bate na porta alheia para comprar o que tem de melhor para residir e quem constrói recolhe Impostos e gera empregos e ainda tem que dizer de quem é a cara do din din? , sendo que o mesmo tem nome e cpf. Pergunta básica e quem deu o din din ou abriu o cofre para o din din sair, não entendo mas nada....nossa

Responder

0
0
Matéria(s) relacionada(s):

Enquete

ABUSO DE AUTORIDADE

Você concorda com aprovação da Lei para punir juízes?

Concordo: MP e Juízes erram muito e prejudicam pessoas de bem

Não concordo. A aprovação da lei é que é um abuso

Bolsonaro deveria vetar a lei

Bolsonaro deve sancionar a lei

  • Parcial

INFORME PUBLICITÁRIO

TV REPÓRTER